World Is Gonna CHANGE

2.2K 280 143

×Jimin×

Eu ainda respirava descompassado quando os olhos de Jeon me olhavam com preocupação, o mesmo abaixou, com cuidado e suspirou

"Venha aqui, Jimin" ele disse com aquela sua voz rude de sempre, eu tremi e voltei a esconder minha cabeça, ouvindo um suspiro mais alto em seguida

"Você não sabe lidar com pessoas Jeon" ouço a voz de Jackson e levanto a cabeça, vendo o mesmo agachado, me oferecendo a mão

Jackson era bondoso e já demonstrou isso, segurei sua mão e me retirei debaixo da mesa, podia sentir meus olhos doerem por causa das lágrimas e do contato com a luz

"está tudo bem, Jimin?" Jackson diz calmo e eu asinto com vergonha, com o canto do olho posso ver e sentir o olhar de Jeon em meu rosto.

"Jackson" eu e ele ouvimos a voz de Jeon e tornamos nossa atenção ao mesmo "Eu já lhe disse o que você deveria fazer, então já pode ir embora, sim"

"Mas você não me--" Jackson iria dizer, mais fora cortado por Jeon novamente

"Sem mas, vá logo, meu motorista vai te levar" Jeon disse e por fim, Jackson deu de ombros e saiu pela porta da frente, olhei ambos sem entender nada, até que o barulho de porta se fechando soou, e logo Jeon estava com seus braços em minha cintura e seu olhar severo em mim, me dando calafrios

"Por que você aceitou a ajuda dele e não a minha?" ele disse com um tom bravo, no qual eu me encolhi

"Ele foi bondoso..." eu disse baixo e olhando para o chão

"Eu te ofereci para sair de lá também, por que não saiu quando eu pedi?" ele disse rude e eu me enchi de raiva, empurrei Jeon e sai de seus braços

"ELE FOI BONDOSO, NÃO OUVIU?! DIFERENTE DE VOCÊ, QUE QUER CONTROLAR TUDO E NÃO SABE TEM EMPATIA!" digo alto e com raiva, logo depois sentindo a mão de Jeon em meus cabelos, puxando os mesmos

"Quem te deu permissão para gritar, uh? Quem mandou você gritar comigo, hein?!" ele disse alto e rouco, senti medo mais juntei toda as minhas forças.

Eu dei um tapa em sua cara.

Eu bati em Jeon Jungkook.

Tanto eu como ele estávamos assustados com o meu comportamento, eu podia ver a marca vermelha de minha mãozinha na cara de Jeon, e o mesmo passar os dedos pelo local.

"O que você acabou de fazer, Jimin..." ele disse baixo e eu tremi em meu lugar, mais continuei em pé, ali

Eu pensava que era impossível eu machucar alguém, era a primeira vez que eu batia em alguém de verdade

E logo na pior pessoa pra se fazer isso

"Eu não vou lhe perdoar por isso" ouço Jeon dizer e me assusto, tanto com seu tom de voz quanto com o forte trovão que havia caído do lado de fora, me assustei com um pulo e cai no chão, derramando algumas lágrimas assim que a energia acabará de cair.

Omma, eu sinto sua falta.

"de novo não, de novo não" eu comecei a sussurrar para mim mesmo

×Jeon×

Eu estava pronto para punir aquele garoto em minha frente, até que o mesmo se abaixa e se encolhe, no passo que a energia cai e tudo fica escuro.

Meu rosto ardia um pouco, e tudo que eu podia ouvir era a forte chuva do lado de fora e o choro de Jimin.

Como se tudo estivesse mais lento, eu comecei a ouvir meu próprio coração bater mais rápido, o redor estava borrado e a única coisa que meus olhos focavam era Jimin chorando

Aquele cena... Não sei, eu..

Eu odeio essa cena.

Uma emoção de querer abraçar Jimin me invade, como se meu olhar se limpasse e toda minha vontade de punir ele se fosse.

Eu não quero que ele chore mais.

Eu não quero que ele sofra.

O que está havendo?

Abaixo e com uma voz calma chamo Jimin, o mesmo me olha com a cara vermelha e chorosa, com medo de eu tocar em seu frágil corpo, retenho meus movimentos o máximo para não assustar ele, olho fundo em seus olhos e abandono o olhar rude e frio de sempre, colocando no lugar o olhar de que eu pensei nunca mais usar.

"Jimin, não chore mais, eu estou aqui" digo suave e baixo, lhe oferecendo meus braços abertos

E por mais que eu tenha gritado com ele e ele me batido

Ele aceitou meu abraço.

Uma sensação quente invadiu meu peito, como a anos não acontecia.

Levantei com Jimin em meus braços, sentindo minha blusa molhar com suas lágrimas, suspirei e comecei a susurrar uma música baixinho

A mesma de que meus pais usavam comigo.

Cheguei em seu quarto e o coloquei delicadamente em sua cama, o mesmo já havia dormido e não voltaria a acordar, aparentemente.

Ele dormia calmamente.

Me aproximei de seu ouvido, pela minha própria reputação

"Nada disso aconteceu, Jimin, e não irá se repetir, não se acostume" disse baixo e me retirei do quarto.

×Jimin×

Eu ouvi suas palavras, Jeon.

Eu não deveria, mas voltei a chorar assim que ele fechou a porta, algo havia florescido em meu coração no momento que Jeon havia me abraçado, ele havia aceitado minha dor...

Mas a vida é trágica, as coisas nascem fácil, porém demoram para morrer.

"eu não vou mais ser quem eu era, eu não vou continuar com isso, ele não é nada pra mim do mesmo jeito que eu não sou nada pra ele" sussurrei para mim mesmo

"Nunca mais Jimin, nunca mais."

©©©©©©©©©©©©©©©©©©©

Ola pessoas, tudo pão?

Voltei com mais um capítulo

Ele parece romântico, porém não se deixem enganar viu, ele tem muita coisa pra ser revelada

Acho que eu consegui demorar menos pra postar, certo?

Hihi

E sobre os rascunhos, logo logo uma fic nova minha ira sair, fiquem no aguardo sz

Eu amo vocês nenês, obrigada pelo apoio, é muito importante mesmo,

Não se esquece de votar 「♥★♥」

ATÉ A PRÓXIMA NENÊS SZ :3

The BadBoy Is My Daddy !¡Jikook¡!Where stories live. Discover now