Me perdoe, Vinicius

8 4 4

que o amor seja infinito

que não envelheça o que é belo

que não se apague o que é justo

que não se desengane o que é amor

que não seja vã a dor que nos impulsiona a agir

que não finde a angústia que nos revoluciona

que o amor não seja infinito enquanto dure

mas que seja infinito, infinito, infinito mais do que você dure, mais do que eu dure, mais do que o próprio amor dure.


amém

Na Companhia da PoesiaLeia esta história GRATUITAMENTE!