Garota do Mar Profundo...

11 1 0
                                              


Alguns dias se passaram e Hatsune foi ver alguns treinos de Meiko e Kaito. A vocaloid os observava com atenção.

Ela queira aprender mais para fazer melhor... Mas a cada dia que passava a menina não conseguia mais ter o mesmo brilho que antes. Miku cantava pois gostava e era o que sua alma queria... Mas agora, ela só cantava por obrigação, como se fosse uma ordem dada pelos compositores. Seu sorriso constante foi ficando mais raro. Gostava de passear, de cantar em lugares diferentes, tocar instrumentos, sonhar acordada... Mas suas obrigações foram consumindo esse tempo livre, e a vocaloid nem se alimentava direito... Deixou de comentar pessoalmente nos chats e na internet, deixando para entrar no computador somente no seu "Trabalho". Apesar dela não trabalhar propriamente dito.

Hatsune vivia uma vida atarefada, e o pior de tudo eram as cobranças. Cada autor queria uma música diferente, com um tom diferente, com um clima diferente. E Miku não poderia simplesmente dizer 'Eu estou cansada hoje, podemos deixar pra amanhã?' ou 'Eu não quero cantar essa música. É um tema que me desagrada...' ou até 'Eu não me sinto bem agora... Desculpe.'. Miku é um programa. Não é permitido à um programa ter falhas, cansar, ter opções, gostos, preferências, ou emoções. Mas Miku tinha tudo isso. E a única emoção que mais crescia em seu coração virtual era a de tristeza. Uma tristeza tão grande, que a fazia ficar horas deitada, esgotada, sem vontade, sem nada. Esses dias foram difíceis. Várias músicas estavam pendentes, os banhos demoravam, pois era seu único momento íntimo em casa, sem ninguém lhe chamando no pc.

Ela enchia a banheira e sentava, segurando os cabelos soltos longos turquesa. Apertava-os entre os dedos e fechava os olhos. Tentou cantar algumas notas da música que estava aprendendo, mas ela não combinava com seu estado de espírito. A voz soava fraca, sem vontade... Ela percebeu que sua energia estava sendo drenada por esses sentimentos ruins.

"Não... Não consigo..." Disse, engasgando com as palavras. A garota levantou-se, e olhou seu corpo no reflexo da água. Era ela só uma marionete? Porque as pessoas a faziam agir de uma maneira diferente da sua? Ela estava maquiando seus sentimentos? O que estava escondendo?

"...Quem... Eu... Sou?" Ela perguntou, olhando seus olhos brilhantes turquesa...

Foi aí que, como se estivesse numa ilusão, ou tendo uma visão, os olhos da garota refletida na banheira ficaram azuis lentamente, enquanto Hatsune os encarava. Quando percebeu a diferença, abriu a visão e olhou todo seu corpo...

Estava branca,como se sem cor, com algumas cicatrizes recém curadas e algumas feridas expostas. Seu cabelo era negro como a noite mais escura...

A vocaloid tomou um susto, e chutou a água, desfazendo a imagem e a ilusão, e molhando a parede do banheiro.

"Quem é ela!? O que ela é pra mim!? Porquê isso fica acontecendo!!?" Miku, num ato assustado, desesperado, sentou de novo na banheira e dessa vez, se deitou totalmente, entrando debaixo da água...

Fechou os olhos tentando relaxar e entrou num sonho vívido, um tipo de sonho lúcido, mas muito mais real, quase um teletransporte. Soltou a respiração devagar, deixou o corpo relaxado e a chama de seu coração, o que ela mais amava fazer, voltou a queimar e a fez soltar uma música.

[Ouça à: Deep Sea Girl]

Hatsune Miku, assim como outros vocaloids podem respirar debaixo da água, já que são apenas representações virtuais quase reais, simulações de sentidos e ambiente. Mesmo que a letra ainda falasse sobre algo que talvez Miku nunca virá a experimentar: O romance, seu fim e começo; ela o cantava como se estivesse vivendo outro papel. Era assim, atuando, que a garota aprendeu a ser... "Profissional". Uma super idol precisa saber fingir de vez em quando... Não importa como ela estivesse se sentindo... Isso não importaria à ninguém não é? Ninguém ia querer saber.

Assim que voltou à superfície, a garota suspirou fundo, e tentou recuperar as energias, cantando mais e comendo alguma coisa gostosa...

"Eu estou bem... Eu vou ficar bem..." Ela repetia para si mesma.

The Intense Voice of Hatsune MikuWhere stories live. Discover now