Capítulo 23

967 69 15

Acordo com os raios solares invadindo o quarto e sinto a cabeça pesar. Lembro do ocorrido da noite passada e me xingo baixinho por ter sido tão estúpida. Pego o celular no criado mudo e fico espantada com o tanto de mensagens e ligações perdidas. A maioria de um mesmo número, cujo interesse não tenho nenhum, talvez a noite passada tenha sido a gota d'água. Encaro aquele nome até sentir os olhos arderem com a chegada das lágrimas e decido que não quero ver o Liam nem pintado de ouro por um bom tempo.

Levanto-me calmamente e vou até a cozinha preparar um café para curar minha ressaca moral. Encosto-me na pia e penso em como aquela noite poderia ter sido diferente, talvez se eu não tivesse perdido a virgindade com Harry, as coisas teriam tomado outro rumo, ou não. Liam é totalmente imprevisível e eu não sei lidar com a bipolaridade dele, nem com a minha. Em que raios estou pensando? O amor realmente mexe com a sanidade das pessoas e isso está me deixando estremamente assustada, não estou acreditando em meus próprios pensamentos. Eu jamais vou me arrepender da noite que tive com Harry e não vai ser esse sentimento insano que tenho por Liam que vai mudar o fato de que minha primeira vez foi incrível só por ter sido com Hazz, mesmo que ele não tivesse sido perfeitamente carinhoso, teria valido a pena só pelo fato de ter sido com ele.

Desperto de meus devaneios e despejo uma boa quantidade de café em uma xícara, nem mesmo coloco açúcar, preciso sentir o gosto amargo dessa bebida que tanto adoro para ter ciência de que não é só a minha vida que pode ser amarga. Termino o café e decido ir tomar banho para depois ligar pra Harry. Minutos depois, de volta ao quarto, coloco apenas uma calcinha e uma blusa de moletom que vai até metade das minhas coxas. Volto para a cama e pego meu celular, fico encarando o visor por vários minutos com medo de fazer aquela ligação, até que o mesmo começa a tocar e eu vejo o nome de Harry estampado no visor. Respiro lentamente e então atendo com o coração totalmente descompassado.

" Alô. "

" Bom dia flor do dia! "

" Oi. " Respondo com a voz baixa.

" Posso ir te ver antes de você encontrar com o Liam essa noite? "

" Pode. Preciso conversar com você. "

" Aconteceu alguma coisa, Chris? "

" Aconteceu. Mas prefiro te contar pessoalmente. "

" Ih, pelo seu tom já vi que não é coisa boa. Tenho uma entrevista de emprego agora pela manhã e assim que terminar eu passo aí. "

" Tudo bem, Hazz. Boa sorte. "

" Obrigado anjo. Até mais tarde. "

" Até. "

Desligo antes que ele fale mais alguma coisa e sinto uma angústia no peito. Minha intenção nunca foi brincar com os sentimentos de ninguém, muito menos com os dele. Começo a refletir sobre a minha vida e percebo quanto tenpo perdi tentando ser apenas sua amiga, se eu tivesse dado uma chance a Hazz meses antes, nada disso teria acontecido. Uma vontade enorme de sumir toma conta do meu ser. Como eu sinto falta dos meus pais por perto, minha mãe saberia exatamente como acalmar esse turbilhão de sentimentos dentro de mim. Pego o celular novamente nas mãos e pondero se ligo ou não para minha genitora, afinal, não estou afim de atrapalhar a viagem tão esperada de meus pais, porém a vontade de ouvir a voz acolhedora da mulher que me deu à vida fala mais alto.

" Mãe? "

" Oi meu amor, que saudade. Está tudo bem? "

" Também estou com saudades, mamãe. Digamos que as coisas saíram um pouco do meu controle. Saí do emprego. Mas está tudo bem sim. Como está a viagem? E o papai? "

" Como assim saiu do emprego, filha? A viagem está ótima. Seu pai também, está aqui te mandando um beijo. "

" Ah mãe, é uma longa história. " Suspiro. " Liguei porque estava com saudades de ouvir sua voz e porque preciso de um conselho de mãe. "

" Ficarei feliz se eu puder ajudar. Mas não pense que vai escapar de me contar essa longa história, quando voltar para casa quero saber todos os detalhes. "

" Sei que não vou escapar, dona Lucy. E nem quero. " Respiro profundamente antes de desatar a falar. " Mãe, eu estou amando, quer dizer, estou apaixonada. Na verdade as duas coisas. Estou tão confusa. Eu conheci um cara e acabei me envolvendo com ele, depois descobri que ele é noivo e mesmo assim eu o amo, o problema é que ele é um babaca. Por outro lado tem o Harry, por quem estou apaixonada, ele é tão bom comigo e a senhora sabe que ele nunca fez nada capaz de me magoar e sei que vai evitar isso ao máximo. Não sei o que fazer. "

" Ah querida, nessas horas o melhor é seguir o coração. "

" Meu coração não sabe o que quer, mãe. Coração vagabundo, sabe?! Se pudesse ficaria com os dois. " Rimos juntas. " E isso é errado. Mas realmente não sei o que fazer. "

" Christina Moore, eu lhe eduquei muito bem e a senhorita sabe o que acho sobre se envolver com homens comprometidos. E nem precisa vir com aquele discurso de que quem deve respeito é ele e blábláblá. Se você se submeter à isso estará sendo tão cretina quanto esse homem. Dê uma chance à Harry, nós sabemos que ele realmente gosta de você. E se esse cara que conheceu tivesse um pingo de consideração por você, teria terminado esse relacionamento no momento em que se interessou por você. " Ela suspira e eu espero pois sei que não terminou. " Desculpe se estou parecendo rude, querida. Mas essa é a minha opinião. Não vale a pena se jogar em amores rasos, melhor mesmo é se atirar num abismo chamado paixão avassaladora. "

" Obrigada, mãe. Eu tinha certeza que a senhora me ajudaria. Afinal, dona Lucy, você está coberta de razão. "

" Eu sou sua mãe, sempre terei razão. " Ri.

" Vou desligar agora, não quero atrapalhar mais o seu descanso e também estou cheia de coisas para fazer. "

" Christina, você sabe que não atrapalha. Mas seu pai e eu vamos dar uma voltinha, então também tenho que desligar, querida. Juízo. Te amamos. "

" Também amo vocês. "

NA: Ooi galera. O capítulo não está tão grande mas ele é bem importante para a continuação da história. Eu quis mostrar um pouco mais da Chris porque achei que estava sempre batendo na mesma tecla. Espero que gostem e desculpem a demora.

Beijos, Big Payne's ♡

O Chefe || L.PLeia esta história GRATUITAMENTE!