Beatriz's POV

Estava sossegadinha na sede e a noite de ontem persistia na minha mente...

O Niall era mesmo simpático, engraçado, querido, lindo... Tudo o que uma rapariga poderia alguma vez querer...

Eu pedi-lhe para me ligar... Agora é ver se ele o faz...

Espero bem que sim... Eu gostava de ver aqueles olhos azuis de novo...

Para além de ter conhecido o Niall, descobri que a minha amiga Gabi é na verdade a agente Horan e que ela baleou o meu irmão.

E para se vingar, ele mandou o Zayn fazer-lhe uma tatuagem com o seu nome...

Ela é boa rapariga... Nunca pensei que fosse bófia... Ela parecia mesmo uma pessoa calma... E não uma pessoa que dê tiros noutras...

Anyway... Eu sei o quanto o Liam gosta de se meter com ela...

Desde que ela nos começou a investigar, à uns dois anos, que ele manda bilhetinhos para o gabinete dela sempre que faz alguma asneira...

Ele manda sempre o nosso espião entregar os bilhetes... Ao que parece o Walter já sofreu muito nas mãos dela...

Sempre que ele vem cá à sede e o Liam lhe pergunta como correu o dia, ele diz sempre a mesma coisa... "She's a mean bitch..."

Eu sempre ri disso... E acho que é por isso que o Walter me odeia tanto...

Eu nem me importo... Também não gosto dele. Nunca gostei. Nunca concordei com a ideia de por um Joker na polícia... Mas o Liam ouve-me? Nunca na vida...

Anyway... O Liam é o boss... Enquanto ele mandar ele faz o que quiser...

Suspirei e resolvi ir dar uma volta...

Saí da sede e fui dar uma volta pelos bosques das redondezas...

O meu telemóvel tocou e eu não reconheci o número.

Eu: Sim?

XXX: Bia? É o Niall.

Eu: Niall? =D Então tudo bem?

Niall: Sim... E contigo?

Ia a andar muito feliz e contente porque o Niall me tinha ligado quando tropecei numa raiz e caí no meio do chão.

Eu: Foda-se.

Niall: What?

Eu: Acabei de cair...

Niall: Ahahahah és mesmo destrambulhada...

Revirei os olhos dando um meio sorriso e levantei-me, olhando para a árvore que me fez cair.

Eu: E tu és um querido, Niall.

Niall: Estou só a brincar contigo... Não vais ficar chateada pois não?

Eu: Claro que não... Então e ligaste porquê?

Comecei a ficar intrigada porque reparei que tinha uma pequena casa da árvore no topo.

Niall: Liguei para te dizer que arranjei trabalho.

Eu: A sério? Que máximo... Então e trabalhas no quê agora?

A casa era de madeira pintada de rosa e azul, mas meio gasta... Como se já estivesse lá à muito tempo... Era adorável...

Niall: Roubei o trabalho à minha irmã.

Eu: Tu não tens piedade...

Naquele momento a minha voz era lenta porque eu estava mais concentrada naquela casinha do que em Niall...

Tinha uma escadinha esculpida no seu tronco... Resolvi subir.

Niall: Foi ela que mo deu... Ela vai sair do país... De novo...

Eu: De novo?

Estava duplamente intrigada. Com a situação do Niall, porque não deve ser fácil estar longe dela; e com aquela casa que nem devia ali estar...

Quando cheguei ao topo o meu queixo caiu, deixando a minha boca aberta num "O" perfeito...

Niall: Sim... À uns anos ela também foi embora... E quando ela voltou pensei que ela ia ficar para sempre...

Coitadinho do Niall... Vê-se que ele gosta mesmo da irmã...

Eu: Ohn... Não fiques triste Nialler... Vais voltar a vê-la... Ela não vai para outro planeta...

Aquela casa estava impecável... Estava como se ainda lá brincassem duas crianças...

Niall: É quase isso...

Eu: Vá... Não fiques assim... Não te quero tristinho, ok?

Haviam lá em cima brinquedos de rapaz e de rapariga...

Niall: Ok... Continuando... Como eu agora tenho trabalho já não vou ter tanta disponibilidade para nos encontrar-mos...

Eu: Não tem problema, lindo... Sempre que puderes liga e combinamos alguma coisa.

Niall: Ok... Por falar nisso... Amanhã queres ir jantar comigo?

Fiquei super feliz com o convite mas estava tão concentrada na casa que demorei um nadinha a responder...

Os brinquedos estavam um pouco velhos... Mas não tinham um grão de pó...

Eu: Claro que sim, Niall. =D

Niall: Podes dar-me a tua morada para eu te ir buscar a casa?

Sentei-me no chão da casinha que tinha altura para uma criança de 8/9 anos...

Ouh... Eu moro na sede dos Jokers... Ele não pode saber onde é...

Eu: Eu... Ahm... Bem... Eu estou a morar com uma amiga... E ela é muito reservada... Não podemos combinar um sítio para nos encontrarmos?

Comecei a olhar para as paredes e vi desenhos de arco-íris, unicórnios, carrinhos, bolas de futebol...

Deviam ser irmãos...

Niall: Claro que podemos... Pode ser no banco de jardim onde nos conhecemos?

Eu: Claro que sim, Nialler...

Vi um sítio onde deviam estar os nomes deles e aproximei-me...

Niall: Pareces um pouco distânte...

Não se percebia nada... Eram uns rabiscos um pouco tortos...

Eu: É que eu descobri uma coisa aqui...

Niall: Que coisa?

Eu: Eu conto-te quando formos jantar amanhã...

Mas eram adoráveis...

Niall: Uhm... Ok...

De repente ouvi um barulho do lado de fora da casa e assustei-me.

Eu: Ahm... Eu tinho de ir agora, ligo-te mais tarde.

Niall: Não tem problema, também tenho de ir. Até amanhã.

Ele desligou e eu apressei-me a sair da árvore.

Corri até uma distância segura e escondi-me atrás de um arbusto...

Vi um vulto escuro a subir à mesma árvore onde eu tinha estado à pouco...

Era um homem, sem dúvida...

Mas não percebi quem...

Dinamite || Niall Horan FanficLeia esta história GRATUITAMENTE!