Capítulo 22

965 77 7

Quando Liam finalmente percebe que estou chegando em meu ápice, ele para seu trabalho com a língua e me coloca de quatro na cama. Retira a camisinha de algum lugar e a coloca rapidamente e sem se controlar mergulha dentro de mim com muita rapidez, estocando fortemente ouvindo meus gritos.

" Liam. " Chamo e ele eu mal escuta. " Liam, você está me machucando. "

Em resposta à minha reclamação, ele começa a meter com mais força e distribui tapas em minha bunda. Apoia uma de suas mãos no meio de minhas costas para ganhar impulso e começa a sair lentamente de dentro de mim, mergulhando novamente com brutalidade fazendo meu corpo ir um pouco pra frente.

" Liam, por favor. " Tento chamar sua atenção.

" Eu avisei que nenhum homem poderia te tocar, Tina. " Mergulha com força mais uma vez. " Você deveria ser inteiramente minha. "

" Pelo amor de Deus, Liam! Está doendo. "

" Aposto que o Harry não te fodeu desse jeito. Forte e intenso. "

" Ele não me fodeu, Liam. Nós fizemos amor! " Grito com raiva.

Percebo que fiz uma grande burrada quando ele começa a meter rápido e com força, peço para que pare mas ele simplesmente me ignora. Depois de alguns minutos ele inclina um pouco o corpo e atingi meu ponto G, dando algumas estocadas mais fortes até ouvir meu grito e ver minhas pernas tremerem, mas parece que aquilo não foi o suficiente, está claro que ele quer gozar também, ele está numa tentativa falha de me mostrar que é melhor que Harry. Em seguida recua um pouco e novamente mergulha com força, agora mais devagar, desfrutando do momento e tentando fazer com que eu goste do que está acontecendo. Solto alguns gemidos baixo, mas não é de prazer, eu estou chorando. Mesmo assim ele aumenta a velocidade e eu sei que ele está próximo, logo em seguida ele goza demoradamente.

Não me mexo, ele sai de dentro de mim e abre as algemas, vai até o banheiro e eu aproveito para me encolher na cama e me cobrir por inteira, estou com vergonha de ter sido tão ingênua à ponto de pensar que essa noite seria a melhor da minha vida .

" Está tudo bem? Eu te machuquei muito? " Pergunta se aproximando como se realmente se importasse.

" Liam, vá embora. " Disse sem olhá-lo, quero que ele saiba que fez merda.

Liam se veste rapidamente e mesmo ele estando no quarto eu choro baixinho. Eu realmente gosto dele e mais uma vez ele conseguiu estragar tudo.

" Sinto muito. Tudo o que eu disse quando cheguei era verdade. Você não é só mais uma pra mim, Tina. E quando perceber que Harry só está brincando com seus sentimentos, você pode me ligar. "

" Sai! Vá embora e não volte mais. "

Vejo quando ele pega as chaves do carro e sai. Permaneço imóvel na cama, sem acreditar que aquilo realmente aconteceu. Fico em posição fetal por horas a fio, mas decido que é melhor tomar um banho pra tirar qualquer resquício que tenha de Liam em mim. Sigo lentamente até o banheiro e deixo que a água quente caía em minha pele fazendo-a arder. Estou tão envolvida em um emaranhado de pensamentos e sentimentos que fico um pouco mais de meia hora tomando banho. Esfrego meu corpo diversas vezes na tentativa de apagar cada toque de Liam, quero que a marca em meu pescoço suma assim como as demais que estão espalhadas por minhas nádegas.

Volto para a cama agarrada em uma camiseta de Harry, preciso descansar e o único modo de ficar um pouco mais tranquila é sentindo o cheiro do garoto de caracóis. Tento colocar minha bagunça interna em ordem antes de ter uma conversa cara a cara com ele, decido que ligarei na manhã seguinte e contarei o ocorrido. Tiro a noite para decidir. Eu sei que gosto dos dois, isso é mais do que certo, mas é necessário pesar os prós e os contras. Será que eu consigo perdoar o Liam? Será que eu consigo ficar longe do Harry? São tantas perguntas e tantas respostas, respostas essas que estão indefinidas em minha mente. Eu realmente preciso descansar.

Demoro horas até conseguir pegar no sono, mas finalmente sou vencida pelo cansaço físico, psicológico e emocional.


Capítulo curtinho pra vocês ♡

O Chefe || L.PLeia esta história GRATUITAMENTE!