Enredo #13 - O método Scene Cards

580 81 56







Sabe aquela velha pergunta: de onde devo começar o meu romance? Do início, do meio ou do final?

Com esta ferramenta, tanto faz.


Por mais que existam softwares e cartões especiais sendo vendidos, os Scene Cards são simplesmente o que o nome diz: cartões de cena – pedaços de papel onde anotamos o resumo de cada cena. Sim, apenas pedaços de papel. Simples, e funciona muito bem para muitos escritores.

Já tinha ouvido muito sobre esse método e resolvi testar no último romance que escrevi - Ascensão. A minha experiência foi muito positiva. Cortei várias folhas A4 em oito pedaços e passei a anotar as cenas conforme elas surgiam na minha cabeça.

A ideia por traz dos cartões é facilitar a organização das ideias ao mesmo tempo que respeita a sequência em que elas aparecem. Assim, quando uma cena vier a sua cabeça, anote um breve resumo num pedaço de papel. Quando vier a próxima, defina mais essa cena. E assim por diante.

O pulo do gato é que, a partir de um certo número de cenas, o enredo vai tomando forma e demandando cenas complementares. Se você escreveu um cartão com o assassinato de um personagem importante, você vai perceber a necessidade de uma cena anterior que crie suspense. Então, pode escrever mais um cartão e o colocar antes daquele do crime. Com frequência, uma cena chama duas, uma anterior e outra posterior. Às vezes, mais.

Assim, a história vai se autoalimentado e se testando até que você tenha nas mãos o esqueleto da sua história – o storyline.

A partir daí, digite os cartões e preencha os espaços entre eles com dramatização. Então, você terá o primeiro rascunho da sua história.

Eu parei de usar os cartões quando concluí o rascunho, mas alguns defensores mais fervorosos enfatizam que a ferramenta também pode ser usada na revisão – simplificando mudanças estruturais. Vale a pena tentar.


OBS.1: Uma variação interessante dos cartões é a utilização de post-it colados em paredes. Nesse caso, a sequência de cenas é ainda melhor visualizada.

OBS.2: Se sentir a necessidade de escrever algo além do resumo da cena, vá em frente! Anote o que achar que pode te ajudar no futuro: personagens, objetos e cenários, seus pensamentos sobre a cena, uma ordenação provisória, etc. Desde que você use um cartão para cada cena, está valendo.



***
A participação de vocês é imensamente importante! Peço que usem os comentários para críticas, perguntas, opiniões e sugestões de temas. Se gostarem, não deixem de votar e adicionar à sua lista de leitura para não perder os próximos capítulos.


GUIA do Escritor de FicçãoOnde as histórias ganham vida. Descobre agora