Capítulo 1 - 5 ANOS LUZ LONGE DA TERRA

170 17 9
                                    

"Não sei porque ainda fico contando... talvez seja para me lembrar o que deixei para traz e reforçar o que vim fazer aqui.

Aqui... essa palavra com certeza perde a definição neste contexto no qual me encontro, já que estou a bordo de uma nave rumo aos confins do Universo. Sem tripulação, apenas eu, a nave e o computador de bordo.

Acordei há algum tempo. E embora esteja perfeitamente consciente de que estou desobedecendo o protocolo ao não fazer os registros, assim que saí da criogenia; não me preocupo tanto. Além de receberem relatórios automáticos do computador, que demoram eternidades para chegar à Terra, vocês terão muitas gerações para avaliar minha missão.

Mas hoje de repente tive vontade de iniciar este diário e aqui estou. 

Meu dia a dia não é muito diferente do que era aí na Terra: dormir, acordar, higienizar, exercitar, trabalhar, comer e assim por diante.

A única diferença são as paisagens magníficas que servem de cenário para minha nova vida. Planetas de cores e tamanhos incríveis, nebulosas exuberantes, estrelas, pulsares, cometas, nuvens de poeira estelar... não esquecendo da beleza ameaçadora dos buracos negros, super-novas e blazares!

Tudo isso flutuando dentro de uma grande massa escura, como um gigantesco caldeirão de sopa cósmica,  o espaço profundo e infinito que me cerca dia e noite. Na verdade, literalmente apenas noite...

DIÁRIO DE BORDO (DEGUSTAÇÃO)Onde as histórias ganham vida. Descobre agora