Capítulo 81

3K 331 17

Matthew pediu para ficar dentro da casa, enquanto ele "iria resolver uns assuntos". O que era extremamente irritante, já que ele estava cheio de segredinhos com Micael. Respirei fundo tantas vezes antes de dar uma resposta a ele que certamente ele tinha percebido minha opinião sobre isso.

Eu ja havia perdido  as contas de quantas vezes ele tinha prometido "não mentir mais". A verdade sempre era revelada, uma horas ou outra.

Mas se o assunto era somente com o Micael, para que levar as duas junto? Me deixando sozinha, sem notícias. Imagens de Matt deitado, sangrando dentro da casa de Karen me atormenta cada vez que ele fica longe.

Uma cama nada confortável estava me deixando terrível com dores nas costas. A teia de aranha, que estava pendurada de uma parede a outra tornava o ambiente muito sujo. Depois de uma reviravolta entre mim e a sujeira decido limpar aquela casa.

***

Queria achar algum tipo de lanchonete ou padaria, seria tão bom não ter que cozinhar. A saudade de fazer comida com minha mãe era imensas. Me sinto mal ao pensar que Savannah, não iria passar por essas experiências com nossa mãe. Mas quando toda essa confusão acabasse eu iria me dedicar a ela. Eu serei a protetora dela, pois Josefh o homem que diz ser nosso pai, não se sairia bem nisso.

Acabei optando por sentar numa praça e ver o movimento. As crianças brincavam com seus pais. Alguns empurrando o balanço, outros na gangorra.. cada vez eu me sentia mais abalada. Eu estava com medo de que acontecesse algo com Sasah.

- Olha só quem se perdeu do caminho de casa - Micael aparece ao meu lado, com um copo na mão.

- Minha casa está bem longe daqui.

- Quanto drama - depois de uma longa pausa, ele estende o braço e olha para o relógio. - Estou com uma fome, acho que poderíamos ir num restaurante já que seu noivinho não voltará tão cedo.

- Se vocês não ficassem de segredinhos, eu até poderia dizer que ele é mais meu do que teu.

- Sempre tive uma queda por ele - Mica começa a rir, logo depois faz cara de enjoado.

- Percebi desde o primeiro dia.

- Sério, ele é sensacional principalmente pelo fato que atrai mulheres rapidamente.

Lembrei de quando comecei a faculdade de Literatura e ele ficava me perseguindo, enquanto outras garotas o comiam com os olhos. Um leve ciúme bate no meu peito, lembro-me de Chad. Ele era legal, ainda assim Matthew não gostava dele.

- Diferente de você, Matt é super atraente - começo a rir.

Querida BabáOnde as histórias ganham vida. Descobre agora