incoerência

572 74 20

Eu sou viciada na sensação de que estou sujeita a sentir sem consequências.

E, mais especificamente, estou viciada nos poucos segundos que tivemos juntos. Eu supro com outros vícios, um pior que o outro, a sua ausência - pesada demais para que eu possa suportá-la sem contrapartidas. Afundo-me sob o peso que vem com a consciência de que, provavelmente, não terei mais a perturbação da atmosfera à sua volta, incapaz de ignorar a sua imponência, que força a mim uma vulnerabilidade da qual não posso correr. A certeza de que tudo pode acontecer, mas que não tenho com o que me preocupar, porque vai acontecer.

Estou dominada pela convicção cega de que temos alguma chance juntos. Ficaríamos bem juntos. Seríamos tudo o que o outro quer e nem sabia que precisava.

Você só tem que parar de fugir.

Eu, NósLeia esta história GRATUITAMENTE!