Trocando mensagens de agradecimento

552 88 1
                                                  

DE: Haydd, Beguzar

PARA: Yan Butler

ASSUNTO: Preciso de um tradutor!

DATA: Outubro, 05 de 2008.

Que linguagem é essa e se pode traduzi-la para mim!?

Sinto sua falta também e Nilufer está chorosa esperando por carinhos, creio que uma visita ao seu escritório não seria nada mal para os negócios!

Bju

Beguzar Haydd

______________________________________________________________________________

Célia encostou-se a cadeira e ficou olhando para o pequeno aparelho em suas mãos e recebe um e-mail dele e abre sorrindo com uma rosa branca na mão.

_____________________________________________________________________________

DE: Butler, Yan

PARA: Beguzar Haydd

ASSUNTO: Brasil, país lindo.

DATA: Outubro, 05 de 2008.

Usei a linguagem brasileira para que não leiam o cartão e entendam o que quer dizer, e adoraria receber a visita de vocês duas, assim mostro a fábrica para você conhecer e contar um pouco da minha história!...

Agora sei que não estou em uma ilusão, você é real Beguzar e eu te amo pelo que é!... Minha turca linda!

Comprei um dicionário para entender o que diz na madrugada!

Bju de seu

Yan Butler

_________________________________________________________________________

Célia ri, ele usou um e-mail particular para responder e respondeu.

_________________________________________________________________________

De: Haydd, Beguzar

PARA: Yan Butler

ASSUNTO: E-mail particular? 

DATA: Outubro, 05 de 2008.

Usando e-mail particular?... Gostou da minha ideia?

Chego por volta das 14horas e quero sim conhecer mais um pedaço de sua vida.

At.

Beguzar Haydd

Bjus

______________________________________________________________________

Célia esconde rapidamente o celular assim que vê a porta ser aberta e Firat entra com um sorriso no rosto, Célia se levanta e vai até ele e lhe estende a mão e oferece o sofá para se sentarem, os dois tem uma longa conversa e séria, tinham muitas coisas para por em pratos limpos, Beguzar seria poupada pela organização, mas Jacob não teria essa chance, novamente pôs os pés pelas mãos e todos estavam furiosos com ele e não existe mais perdão, Célia ficou horrorizada e confessou que tinha medo de voltar para casa agora que ele matou mais uma jovem, temia por sua filha, ele não a deixaria voltar para os Estados Unidos, mas Firat prometeu que a faria voltar, olhou as rosas e sorriu, ele sabia de tudo, cada passo que ela dava ele sabia, mas Célia se manteve calada, mas pediu.

- Preciso de uma empregada de confiança Sr. Firat, já que demonstra querer me proteger!... - Ela respira fundo e vai até a mesa e tira um envelope papel pardo e vai até ele e antes de lhe entregar diz com a voz embargada. - Quero que essa pessoa tire minha filha de casa, ou do hospital caso venha acontecer algo comigo e traga para cá e entregue para essa pessoa, jamais quero que a organização se meta com essa família que vai acolher Nilufer se caso eu vier a faltar em sua vida.

- Você está entregando sua filha para doação?

- Não!... Essa pessoa jurou em cuidar de Nilufer como sua filha!... Prometeu ama-la... E eu sei que ele fará isso, pois ele cuida muito bem do meu filho Jimmy!... E um excelente pai e será para Nilufer.

- Se você sobreviver como sobreviveu até agora... Como ficará essa distancia?

- Eu serei feliz de verdade se isso acontecer Sr. Firat!... Terei a família que sempre desejei e que nunca quis me separar!... Eu como mãe de um filho de Jacob me isento de saber quando, como e a que horas ele vai morrer ou ser entregue para as autoridades, não me interessa!.. Eu só quero me manter limpa e neutra!... Vou honrar a organização e jamais sairá algo de minha boca e se eu for investigada, jogarei a culpa toda sobre meu marido falecido ou foragido!... O Dossiê pode ser alterado e sei que o Senhor consegue.

- Tem razão!... - Sr. Firat sorri grato. - Terá toda a nossa ajuda Sra. Beguzar, vou dar um jeito para que seja contratada uma nova empregada e segurança, quero que ela seja as duas coisas... E fique tranquila, Nilufer estará salva e terá um registro americano e terá o nome deste homem que a ama tanto. - ele respira fundo. - Ele Sabe que...

- Não!... E nunca saberá!... Sou turca e meu nome é Beguzar Kassim Haydd, filha de Kerem Kassim, e um dia quem sabe descubro a verdade por que eu e Célia sermos tão parecidas.

Firat sorri e se levanta e lhe dá a mão e se despedem, Célia ao ver atravessar a porta de sua sala percebe que a cartada foi dada e o fim de Jacob está próximo, não se sentia feliz com isso, preferia que ele fosse pego e preso e cumprisse a pena na prisão, passou a mão na barriga, era o pai de sua filha, por mais que a fez sofrer, ele a ensinou a ama-lo e decidiu que ao voltar para casa iria mima-lo e se sentir amado pelas duas, seria uma morte mais tranquila com a ilusão de que ela o ama de verdade


Célia (Volume 2)Onde as histórias ganham vida. Descobre agora