Capítulo 20

1.3K 96 45

Acordo mais uma vez com o calor de Harry junto ao meu corpo e sorrio abertamente. Respiro fundo antes de levantar e ir tomar banho, deposito um beijo na bochecha do garoto de caracóis e sigo para o banheiro. Demoro um pouco mais de vinte minutos no banho, aproveitando para lavar os cabelos e quando saio coberta apenas pelo roupão não encontro Hazz em minha cama. Permaneço com a toalha enrolada no cabelo e pego o primeiro moletom que avisto no guarda-roupa, termino de me trocar e vou até a cozinha.

Paro na porta para observar enquanto Harry cantarola algo distraído, concentrado em preparar o café da manhã. Outro sorriso bobo brinca em meus lábios. Como alguém consegue ser tão bonito? Como é possível que ele me faça tão bem apenas por estar perto? Acho que estive fechada por tempo demais e acabei ficando cega. Essa é a única explicação. Porque eu sinceramente não consigo entender como é que perdi tanto tempo, Harry sempre esteve ali por mim e pra mim. E só agora eu percebi que é ele quem me faz extremamente feliz. Acho que é assim que uma pessoa apaixonada age e eu não tenho dúvidas do tamanho do sentimento que eu tenho por esse ser maravilhoso.

" Bom dia. " Falo, encostando-me no batente da porta. " Adoro essa sua alegria. Esse seu sorriso. A forma como você canta ... " Sorrio.

" Bom dia, pequena. " Ele responde alargando o sorriso. " E eu adoro você. " Se aproxima e me da um selinho. " Fiz cappuccino pra gente. E misto quente também. Vou tomar um banho rápido e já volto pra tomarmos café juntos. " Ele acaricia minha bochecha e da uma bitoca em meu nariz, saindo logo em seguida.

Enquanto Hazz se ocupa em tomar banho, eu arrumo a mesa para o nosso café da manhã. Estou tão distraída cantarolando Sam Smith que quase não escutou meu celular tocando. Termino de organizar as coisas, se for importante a pessoa vai ligar de volta. Lavo os recipientes que Harry utilizou e vou até o quarto pegar meu celular. Quando vou ver quem estava me ligando, Hazz me abraça por trás e afunda o rosto em meu pescoço me arrepiando por inteiro.

" Frio? " Ele pergunta com uma voz sugestiva.

" Esse é o efeito que você causa em mim. " Sorrio e viro-me lhe beijando de leve.

" Estou faminto. "

" Eu também. "

Nos acomodamos na mesa e tomamos café em silêncio. Em seguida Hazz se encarrega de lavar a louça enquanto eu seco e guardo. Quando terminamos de organizar a cozinha, eu o chamo para assistir " As vantagens de ser invisível ". O tempo está ótimo pra ficar embaixo das cobertas com alguém especial. Me aconchego em seu peito e assim assistimos o filme. Uma hora e quarenta minutos depois Harry me convence a assistir um filme de terror. Levanto para beber um copo d'água e quando estou voltando para o quarto lembro do meu celular, pego o mesmo em cima da bancada e volto para a cama. Assim que começa a passar " O chamado " na tela eu começo a ficar apreensiva. Hazz me puxa para mais perto e entrelaça nossas mãos. Assim que a garota atende o telefone, meu celular começa a tocar e eu solto um grito levando a mão até o peito devido o susto.

" Merda. "

" Acho melhor assistirmos outra coisa. " Ele fala me analisando e eu apenas assinto.

Pego meu celular com as mãos trêmulas. Vejo que tem algumas mensagens e três ligações perdidas. Resolvi olhar primeiro as libações. Uma de Zayn. Uma de um número desconhecido. E a última do Liam. Prendo a respiração e analiso o visor por mais alguns segundos pra ter certeza de que li o nome certo. Respiro profundamente e então vou para a caixa de mensagens.

Ed ♡ - 08:55 am

Bom dia flor do dia. Estou com saudades :)
Por acaso Harry está com você? Faz uns três dias que ele não aparece aqui na cafeteria.

O Chefe || L.PLeia esta história GRATUITAMENTE!