Capítulo 36

43.6K 2.8K 1.2K

Mad.

Entramos no seu apartamento.

Ian- Eu vou ligar o computador.

Diz e sai. Fico esperando e logo ele me chama.

Imprimimos rápido até, depois ficamos um tempo conversando e rindo até a ouvir um bater na porta e....

Nick.

Madson saiu e tava demorando muito pra voltar, fui na portaria ver se ela tinha saido.

Eu- Oi é... será que você poderia me dizer se uma garota, de pele clara, cabelo em rabo de cavalo longo, olhos meio que cinza, com uma blusa preta.. Se ela passou por aqui?

Xxxx- Ela veio aqui me pedindo pra imprimir um documento e depois se esbarrou com o Collins e eles subiram.

Eu- Quem é Collins?

Xxxx- Ian Collins.

Eu- Eu não acredito nisso. Obrigado. 

Eu-  Eu vou esganar aquele filho da puta!- Digo já dentro do elevador.

Chego no meu andar e bato na porta do Ian.

Ele abre e me olha surpreso.

Ian- O que você quer?

Eu- Madson, vamos.- Digo entrando e pegando na mão dela.

Madson- Porque? O que aconteceu?

Eu- Olha garota você acha que eu não me importo com você. MAS EU ME IMPORTO SIM! Sabe porque? Eu também não sei, talvez seja por eu estar apaixonado por você mas, EU NÃO SEI! Então eu vou parar de me preocupar, porque a única que não liga pra ninguém é você. Pode ficar ai com seu amiguinho, já que você quer tanto!- Digo tudo rápido e embaralhado. Ela permanecia intacta me encarando.

Saio dali batendo a porta forte. Entro em meu apartamento e vou pro meu quarto chorar, o que eu to fazendo mais ultimamente...

Mad.

Depois que Nicholas saiu tentei chama-lo só que não deu tempo. Fiquei pensando se deveria acreditar nas palavras dele ou se seria só mais uma de suas brincadeiras.

Ian- O que foi isso?

Eu- Não sei.

Ian- Acho que você deveria falar com ele, não agora, mas... só falar.

Eu- É melhor deixar ele esfriar a cabeça primeiro.

Ian- Okay, quer comer alguma coisa?

{...}

Comemos e tive que ir pra casa. Cheguei e estava um silêncio enorme. Fui até o quarto do Nicholas e ele já estava dormindo.

Fui ao seu lado.

Eu- Eu não sei se devo acreditar nas suas palavras. Talvez você só estava brincando comigo de novo ou talvez seja verdade! Eu não sei em que acreditar....

Fiquei observando seu rosto, Nicholas era realmente lindo só que muito idiota.

Eu- Cara eu tô falando sozinha! Mesmo assim boa noite.- Digo e me levanto seguindo em direção a porta.

Nicholas- Deita aqui comigo?

Fiquei sem reação ao ouvir sua voz rouca, me virei e vi ele me olhando fixamente.

Eu- Q-que?

Nicholas- Eu falei pra você deitar aqui comigo! Vem...

Eu- E-eu só vou trocar de roupa então.

Nicholas- Vai logo.

Estranhei o jeito como ele estava me tratando. Tomei um banho, escovei os dentes e vesti meu pijama. Peguei meu cobertor e travesseiro.

Apaguei as luzes e fui pro quarto dele. Me deitei ao seu lado de costas. Sinto seu braço rodear minha cintura e sua mão na minha barriga.

Coloquei meu braço em cima do seu, estava quase pegando no sono quando escuto um choro. Me viro o encarando.

Eu- Porque você tá chorando?

Ele fica calado só me encarando.

Eu- Me responde!

Nicholas- Me desculpa! Eu não queria te fazer sofrer eu só... Só queria dinheiro! Me desculpa.

Eu- Tá tudo bem!- Digo o abraçando.

Nicholas- Não, não tá tudo bem! Nesses últimos dias eu só tô tentando mudar a minha vida e tals, só que eu só faço merda! Eu não sei o que acontece que eu sempre caio em tentação.

Eu- Ta tudo bem! Vai dormir.

Nicholas- Eu não consigo, por isso te chamei pra dormir aqui.

Eu- Tenta descansar, qualquer coisa eu tô aqui.

Nicholas- Vou tentar.

Logo dormimos calmamente.

{...}

Acordei e Nicholas não estava mais na cama, me olhei no espelho e dei uma arrumada no cabelo. Sai do quarto e Nicholas estava tomando café.

Nicholas- Olha o que aconteceu ontem, ninguém pode saber.

Eu- Porque não?

Nicholas- Por que todos vão me zoar!

Eu- É inacreditável Nicholas como você se importa mais com sua reputação do que com seu filho! Meu deus.

Digo e saio batendo o pé.

Nicholas- Eu fiz merda!- Sussurra.

Eu- Sim Nicholas, você fez merda mais um vez!

Nicholas- Desculpa!

Eu- Não! Sabe porque? Por que no seu mundo só existe "Desculpa" e "Tudo bem". Só que no meu mundo é bem diferente, eu realmente pensei que você havia mudado, mas vejo que to errada! Então NÃO eu não te desculpo.- Digo e vou pro meu quarto.

Tomo um banho, arrumo meu cabelo e visto qualquer coisa. (Mídia).

Faço todo o necessário e saio, Nicholas não estava mais na sala. Pego uma maçã e vou saindo.

Xxxx- Eu levo você.

Eu- Não precisa, eu não quero estragar a sua reputação de MERDA!- Digo e bato a porta com força.

Sigo pra escola.

Continua...

Apenas Uma Aposta - 1°e 2° TemporadaLeia esta história GRATUITAMENTE!