Capítulo 21 - Porta do Coração

51 15 6
                                                  

Frank traz uma garrafa de uísque e os dois se sentam nas cadeiras da varanda

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

Frank traz uma garrafa de uísque e os dois se sentam nas cadeiras da varanda.

Jeremy conta a Frank seu plano de riqueza, colocou sobre a mesa um papel com algumas anotações e algo parecendo um mapa.

Frank questiona o plano de muitas maneiras, recusa,  fala sobre como está contente com a vida simples e como se sente feliz em ser um agricultor e não precisar apontar uma arma para alguém.

A conversa continua.

Frank segura o mapa em suas mãos.

Vê o outro lado do papel.

— Jeremy! Quem desenhou este arco-íris? Eu por acaso tenho um sobrinho que ainda não conheço?!

— Não importa, Frank.  O que importa é que vamos ficar mais ricos do que você algum dia sonhou! — diz enquanto coloca a pedra de ouro sobre a mesa.

Um pesado silêncio se instala entre eles.

Um menino os observa pela vidraça da janela.

Frank segura a pedra de ouro em suas mãos. 

Eles ainda irão conversar,  discutir e entrar em acordo mas foi exatamente neste momento em que o ex-agente Federal Frank White,  também conhecido como Frank Pacificador,

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

Eles ainda irão conversar,  discutir e entrar em acordo mas foi exatamente neste momento em que o ex-agente Federal Frank White,  também conhecido como Frank Pacificador,

o filho preferido de dona Rosa White, homem honrado e decidido pela vida simples,  abriu uma porta em seu coração.

E foi por esta pequenina porta que todo o inferno passou.

§


§

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.
Jeff mais leve que o arOnde as histórias ganham vida. Descobre agora