☀62☀

15.7K 2.4K 7K

Deem suporte à fanfic, votem e comentem. Boa leitura!

- E como foi? - ouvi Jin perguntar, através do telefone, enquanto eu lanchava na academia. - Não quero saber dos detalhes carnais, por favor. Quero saber de como você se sentiu.

- Ah - encostei a cabeça na parede. - Foi incrível. Eu me senti tão ligado à ele. - suspirei. - Me senti feliz por fazê-lo sentir prazer, me senti feliz por poder estar com ele.

- Isso é tão bom, Jungkook - Jin respondeu, parecendo orgulhoso. - Você acha que foi especial?

- Especial - me toquei. - É isso, Jin! Foi especial. Acho que podemos descrever assim.

- Aaa, que bonitinho - Seokjin falou com a voz fina. - E então...?

- O que? - perguntei, voltando a comer meu bolinho.

Bolinho me lembra o Jimin.

- Aish, Jungkook - Jin grunhiu. - Você acha que vocês podem ser namorados?

Ao ouvir aquilo eu quase engasguei com o bolinho.

- Jin! - o repreendi por soltar uma bomba dessas na minha cara.

Eu sei que a intenção era ter algo sério com o Jimin, mas agora, que estou de frente para o gol, me sinto nervoso.

- Responde, Jungkook - Jin exigiu.

- Eu não sei - tentei ser sincero. - E se ele não quiser? Se ele não estiver pronto?

- Você tem dois olhos enormes na sua cara, Jungkook - pude ouvir Jin bater em sua mesa. - São os maiores olhos que já vi na Coréia! Use seus olhos enormes!

Eu até parei para processar. Mas não foi.

- Como assim? - perguntei, sentindo-me muito confuso.

- Os olhos do Jimin brilham como diamantes quando ele olha pra você - Jin respondeu, com a voz cansada. - Ele não consegue parar de sorrir quando está com você.

Eu sorri, sem nem autorizar o comando.

- Se o Jimin não gosta de você, então, ninguém gosta, Jeon - ele me disse. - Não vacila, meu filho, por favor.

Eu não consegui responder. Minha mente voou.

- Tudo bem - Jin pareceu desistir. - Eu vou desligar, okay? Te ligo mais tarde.

Okay.

Eu podia claramente me imaginar ao lado de Jimin no futuro, e em qualquer situação, tão real, que eu poderia tocar.

E se Jimin fosse o cara da minha vida?

E se eu não fosse o cara da vida do Jimin?

Medo me invadiu.

Jimin poderia gostar de mim. Mas o Taehyung também gostava.

E o Taehyung me deixou. Ele se apaixonou por outro cara.

E se eu me entregasse ao Jimin e ele também começasse a gostar de outro?

Eu senti meus olhos quentes.

Não queria ser trocado de novo, não queria sentir aquela dor de novo.

Não queria imaginar o Jimin cozinhando para outro cara, e secando o cabelo de outro cara. Eu queria que ele fizesse estas coisas somente comigo.

Queria seus beijos, sua comida, seus carinhos, seu corpo, sua graciosidade somente para mim.

Se fosse para ter isso por somente uns meses, e depois perdê-lo, então, eu não queria nem mergulhar nessa paixão.

Sunboy {jikook}Leia esta história GRATUITAMENTE!