Lets'Go faculdade. - Mabi

3.8K 227 126

      -Bom dia para você, que acordou pronta para o primeiro dia de aula na faculdade. -



         Falei me olhando no espelho mais uma vez. Não sei quantas vezes tinha conferido meu visual hoje, mas queria ter a certeza de que estava apresentável. Sinceramente falando, acho que nem se quer dormi. Passei a noite toda pensando no quanto minha vida tinha mudado nesse último mês. Eu havia entrado na faculdade, saído de casa e agora estava morando com minha melhor amiga em outra cidade há quilômetros do sítio onde morava. Meu Deus que aventura!

       Lembro - me que de início mamãe não queria nem sonhar comigo morando fora , mais ai veio à aprovação no vestibular e ela teve que ceder. Na verdade teve que engolir, afinal se dependesse dela eu não faria faculdade, ficaria em casa e administraria a fazenda da família. Papai não se manifestou muito, apenas me falou que se eu resolvesse desistir, a Fazenda estaria lá para ser meu abrigo. E pelo visto ele realmente acha que vou desistir, já que ligou três vezes pra mim ontem perguntando se estou preparada pra ver sangue e mortos.

       Papai e mamãe não acreditam que eu possa ser enfermeira acham que vou desmaiar no primeiro momento em que meu nariz sentir o cheiro de formol. Há meus amados pais, eu vou conseguir, não estou disposta a abandonar este mundo, na verdade estou querendo enfrentar tudo que for novo. Nunca me senti tão livre e louca para voar como me sinto hoje. O dia promete. Tenho certeza disso.

- Um cupcake por seus pensamentos - Disse Jú se aproximando de mim, segurando um pequeno cupcake que parecia saboroso.

- Estava pensando nos meus pais, pensando na faculdade, pensando no quanto pode ser interessante morar aqui. - Falei animada.

- Ai Mabi tudo para você é muito novo não é? Também, você cresceu a vida toda naquela Fazenda, longe das festas, dos caras bonitos, das animações, não sei nem como estudou o fundamental e médio. - Disse ela gesticulando com as mãos e rindo de mim.

- Tinha caras bonitos na fazenda viu? O Tommy é um cara bonito e gentil. - Tentei parecer o mais confiante possível enquanto Jú jogava na minha cara meu pouco conhecimento dos prazeres de se morar na cidade.

- Ah Mabi, você diz isso porque ele foi um dos poucos que você beijou. Juntamente com seu primo Carlos, e o afilhado da sua mãe, o Beto. Foram três mesmo ou eu contei errado? - Ressalta ela como se fosse a mais experiente em relacionamentos.

- Foram três sim, mas talvez juntando todos não dê um dos seus. - Rimos um pouco de frente ao espelho até ela sair me puxando pra cozinha para tomarmos o café da manhã.

- Será que vai ter alguns gatinhos na sua turma de enfermagem? - Comentou-a ainda olhando para o seu pãozinho de queijo que agora faltava um pedaço.

- O quê? - Falei quase engasgando com um gole de leite.
- Ah Mabi, me diga que vai paquerar, por favor, diga que vai aproveitar um pouco essa liberdade de estar longe daquele fim de mundo. -

- Você é terrível Jú. Terrível!- Falei sorrindo e me levantando pra pegar minha bolsa que estava no sofá.

- Já terminou o café?- Perguntou ela tentando ser gentil.

- Sim, e você não vai se aprontar para irmos juntas? Os professores de Psicologia não vão atrasar a aula só porque a caloura queria mais um pão de queijo. - Rimos juntas da piadinha e Jú me acompanhou pegando também sua bolsa e as chaves da casa para esperarmos o ônibus.

     Jú é extremamente linda. Alta, morena, com peitos médios e coxas malhadas, seus cabelos são pretos e lisos e tem  um comprimento médio. Ela é o sonho de muito marmanjo, fico pensando como uma garota divertida e bonita como ela ainda não tem alguém.

Ao som das batidas do seu coração .Leia esta história GRATUITAMENTE!