☀34 ☀

13.8K 2.5K 2.5K

- Que triste - Jin dizia para mim. Eu estava em sua casa, derramado em seu sofá e Namjoon estava com um jornal na mão, sentado em uma poltrona. - Sabe o que significa, não é?

Eu havia contado sobre o que Jimin dissera.

- Não - falei como se fosse óbvio.

- Porque não estou surpreso? - Namjoon abaixou o jornal somente para rolar os olhos para mim.

- Jungkook - Jin suspirou. - Isso significa que ninguém quer namorar com o Jimin, que só transam com ele...

Oh.

- E é por isso que ele lhe sugeriu sexo sem compromisso - Namjoon deu continuidade. - Porque já imaginava que você não queria nada sério mesmo.

- E considerando que você chorou pelo seu ex na cara dele - Jin sorriu amarelo para mim.

- Mas... - perdi as palavras.

Eu estava confuso, não sou do tipo que só pega a pessoa por uma noite e age como se nada tivesse acontecido. Eu queria sentir o Jimin, porém eu não sou esse tipo de cara, mas também não quero algo sério, porque eu ainda amo tanto o Taehyung.

É, acho que meus problemas amorosos não irão se resolver enquanto eu não deixar de amar esse homem. Mas quando isso vai acontecer?

Eu sinto tanta saudade do toque dele, da voz, do sorriso, da risada...

- Você tá chorando, Kookie? - Jin pousou a mão no meu ombro.

- Não - fiquei confuso. - Estou?

- Sim - Jin limpou as tais lágrimas em minhas bochechas. - No que está pensando?

- O certo é em "quem" - Namjoon o corrigiu. - Cara, esquece o Taehyung, pelo amor de Deus.

- Vocês agem como se fosse fácil - me irritei. - Eu realmente amo ele, amo tudo nele, amo mais do que amo a mim mesmo.

- Oh Deus - Jin pareceu exausto.

- Namjoon - me levantei. - Como você ficaria se o Jin terminasse com você de uma noite pra outra?

Eles ficaram em silêncio.

- Não é fácil - deixei mais lágrimas escaparem. - Não é fácil saber que o cara que eu amo está amando outro, e pior, o outro é aparentemente muito melhor que eu.

- Não foi isso que eu disse - Jin tentou se defender.

- Eu saquei, ta - peguei minha mochila. - Taehyung prefere o outro cara... Porque eu não o fazia feliz, era somente ele que me fazia feliz. Mas eu não sou bom em fazer as pessoas felizes.

- Jungkook, espera - Namjoon foi atrás de mim enquanto eu ia para a porta.

- É por isso que eu o amo mais do que ele me ama - disse, tentando controlar o choro. - Porque só ele me fazia feliz, eu não conseguia fazer o mesmo por ele.

E deixei a casa de Jin.

É o direito de Taehyung querer ser feliz.

Não fui para casa, comprei um litro de batida, parei em uma pista de skate vazia e fiquei assistindo o céu, as estrelas piscando sobre minha embriaguez e a lua brilhando borrada.

Lembro-me de pegar o celular e discar o número do Tae.

- Vá para casa e durma - lembra da voz dele dizendo.

Mas eu o amo.

- Pare com isso, Jungkook - ele parecia tão cansado.

Mas eu te amo, Taehyung.

- Isso vai passar. Pare de beber! - ele dizia. - Viva sua vida... Você é jovem, é bonito, não é muito inteligente, mas é bom de coração. Encontre outra pessoa.

Eu te amo, Tae... E dói tanto.


//EEEE SOFRENCIA
calma gente, tudo vai ficar bem. ou noa
enfim, postei a tal shortfic jikook, se chama Spin The Bottle, vão lá ver, eu juro qur está legal!! Eu to tão animada com ela rsrs
Muito obrigado por todas as visualizações, votos e comentários. Vcs são daora
VÃO LER SPIN THE BOTTLE, TA NO MEU PERFIL AAAA amo vcs
Votem aqui//

Sunboy {jikook}Leia esta história GRATUITAMENTE!