1.7

1.2K 82 1

Alohaa!

pra contar que "Meu Chefe é" está em #498 em Romance!!!! Foda!

Boa Leitura pra você. :)

∆∆∆∆∆∆

                         Mia

Eu,eu não sei o que fazer,aquele homem tentou te ajudar,não se omitiu,e no fim eu nem sequer poderei retribuir o favor ajudando ele também.

Eu odeio Alex Ford. E me odeio ainda mais por omitir ,incluir e consentir em culpar alguém inocente na história.

Eu sou uma tapada! Eu nem sequer devia ter vindo a essa festa.

É, as vezes o destino brinca com você, e quando você pensa que ele já cansou de rir da sua cara,ele vai lá e faz outra piadinha de mal gosto.

Me encontro paralisada,e nem sequer noto o que acontecia a meu redor,mas quando volto para a realidade, vejo um corpo musculoso em cima de outro,socando seu rosto,que se encontra cheio de sangue.

Oh céus! É James,e ele está acabando com o rosto do outro homem,que se ouvi bem,se chama Phil.

"James..." o chamo,mas ele parece não ouvir.

"James" chamo novamente,mas ele continua a desferir socos em seu oponente,que nem sequer parece querer tentar revidar.

Eu odeio mentiras,mas vou ter que apelar para isso agora.

"Oh,porra,não me sinto bem." digo e então caio no chão.

Chamando,enfim,a atenção dos dois homens que lutam,e do monstro que se encontra apenas assistindo.

"Mia" diz James e vem até mim.

Eu finjo não ouvir e continuar "desmaiada" pelo menos assim ele não acaba de terminar com o rosto do cara.

"Ele está saindo." avisa Alex Monstro Ford.

"Covarde." grita James.

"Mia,acorda.... Por favor." diz James e eu abro levemente meu olhos.

"Mia,me desculpa....eu...." começa a dizer.

"Você não tem culpa James." digo olhando para cima de seu ombro,onde se encontra seu pai.

"Podemos levá-la para minha casa,ela dorme lá e vemos se tudo se encontra bem." diz o Ford.

Oh porra. Não, mil vezes não.

"Não, eu....não precisa." digo rápido e saio de perto dos dois.

"Eu insisto." diz ele e sorri.

O pior sorriso que já vi.

"É melhor Mia. E eu passo pra te ver de manhã." diz James e vem até mim.

Ele franze o cenho,e sei que meu olhar de medo não deve ser dos melhores.

"Não James..... Por favor não.... Não...." digo e lágrimas escorrem involuntariamente de meu rosto.

Vejo atrás de James,seu pai fazer um sinal como se estivesse cortando o pescoço.

E interpreto como "cale a boca ou morre."

"Tudo bem. " cedo.

(...)

"Tudo bem,pode tomar um banho se quiser, trouxe remédios para dor,e depois deite. " diz James e eu assinto.

Meu Chefe É ( LIVRO PAUSADO)Leia esta história GRATUITAMENTE!