Prólogo

2.8K 37 8

Eu tinha dezoito anos: a idade de ouro para muitos, era, para mim, sóum número representando o meu tempo de existência. Pode nãoparecer muito para alguns, mas, para mim, parecia que eu já haviavivido umas cinco vidas.

Na minha história, a qual contarei a vocês, todas as pessoas são sutilmentecomuns nas suas loucuras de ser, com suas qualidades e defeitos. Vivem vidascotidianas bem similares à vida de qualquer pessoa nesse mundo que sonha comum futuro grandioso, único, e um amor verdadeiro. Alguns fazem o que fornecessário para conseguirem o que almejam, outros só querem viver suas vidas efazer o que é certo e tem aqueles que estão perdidos no meio do caminho e assimvai se seguindo a jornada da vida.

Com um começo, meio e fim.

Agora, muitos vivem o meio, relatando o início de suas histórias, mascomigo será bem diferente. Irei retratar o começo do meu fim.

Eu?
Gostava da maneira como meu futuro se apresentava: previsível e seguro,entretanto tudo mudou quando ele entrou em minha vida. Ele foi o causador detoda essa metamorfose que vivi, e nossas ações não apenas nos mudaram, como atodos ao nosso redor.

Com ou sem ele, meu futuro existiria, e essa era a pior sensação que eu já tiveem meu ser, e piorava ao saber que talvez não existisse futuro para ele, com ou semmim.


Por mais que pareça, essa não é uma história de amor.

Você vai amá-lo, como eu amei.

Vai brigar, chorar, xingar, rir, questionar, como eu fiz, porque essa históriaé real, é humana. Alguém, em alguma parte desse mundo, pode estar vivendo omesmo que eu, porém, obviamente, em outra narrativa, com outro final.

Você não vai terminar de ler essa história e, de satisfação, sorrir. Por maisque queiramos, a vida não é como um conto de fadas, não termina com o felizespara sempre.

Eu garanto um dia, você irá perceber que a minha história, de algumaforma, mudou e afetou a sua vida, e eu torço para ela mudar para melhor, comoeu sei que ele mudou a minha.Por outro lado, aconselho que não cometa os meus erros, muito menos osmeus acertos, eles são meus, e você deve fazer a sua história, sem mim.

Essa história não é sobre um amor, e sim sobre viver.  

[DEGUSTAÇÃO] Apenas Respire (Um Conto Quase de Fadas #1)Leia esta história GRATUITAMENTE!