Dois anos depois. {Cap. Bónus}

848 58 12

 [ leiam a mensagem no final ]

ACONSELHO A VEREM A TRADUÇÃO DA BEST MISTAKE-ARIANA GRANDE

2 anos depois.

"Mamã, olha o desenho que eu fiz para ti." A Felicity entregou-me uma folha de papel de tamanho A4 onde estavam duas raparigas e um cão pequenino, tudo feito a caneta de tom azul. É, eu agora tenho um animal de estimação.

"Está lindo, querida!" Esboço um largo sorriso à medida que pronunciava, agarrando de seguida na mão da minha filha e depositando um beijo na mesma.

A Felicity já anda na escola primária com os seus seis anos feitos – eu sei, o tempo voa – e honestamente, não foi só esta a mudança de há dois anos para cá. É complicado explicar.

"Espera um pouco mãe, vou dizer adeus à Juliet." Assinto, depois de a ouvir, tomando sempre atenção à minha pequena que fora dar um abraço à amiga.

Trabalho há cerca de um ano na empresa do George aberta no local onde antes eu trabalhava como cabeleireira. O George não é mais o namorado da minha mãe, mas sim o marido; foi uma cerimónia bastante bonita e simples em que apenas os mais chegados estavam presentes a celebrar a união do meu padrasto e da minha mãe ainda bastante bem de saúde.

Eu tenho visitado todos os sábados o meu pai, no cemitério, lamentando-me por ele não ter visto a primeira vez em que a Felicity andou de barco, quando ela disse à minha frente e da Molly o abecedário e como não assistiu à primeira festa de aniversário celebrada com os amigos do seu ano letivo. A Molly, a minha querida irmã, tem estado mais cá do que em França, ultimamente, porque ela diz querer passar mais tempo com a família, carregando o marido atrás dela.

A Christine já não anda com o namorado de que todos se lembram, mas permanecem amigos e chegados. Não vão chegar a lado nenhum, já admitiram isso – mas continuam aos beijos em discotecas por mais companheiros que arranjem.

E por último... Sim, ele.

Harry Styles. Eu e o Harry só falamos quando ele vem buscar a menina a minha casa ou vice versa, ou seja de semana a semana.

Já não existe nenhum Harry no meu pensamento ou coração, tudo o que eu penso agora é na educação da minha filha e no meu trabalho. Estou casada com o meu trabalho, apenas.

Quando o meu ex-companheiro regressou da sua tour ele soube que eu andava com uma pessoa. Um rapaz de vinte e cinco anos que trabalha no mesmo local que eu e apenas estávamos a conhecermo-nos melhor em encontros e eu, admito, estava a usá-lo para esquecer o que ainda sentia. Os paparazzi não pararam quietos e um website foi ter direto ao Harry que, dois meses depois de uma chamada a dizer o quão magoado ele ficara por saber da notícia, arranjou uma namorada. Lilian Thompson, loira, três anos mais velha que eu, olhos claros e extremamente invejável. Acabaram quatro meses depois. Outros dois meses depois, foi apresentada publicamente a atual namorada, Anne-Marie, uma modelo internacional. Apesar das tournês dos One Direction, nunca se separaram.

Eu não arranjei ninguém depois de tantos rumores de se eu tinha ultrapassado o famoso Styles ou se eu andava com outros jovens.

Se eu ainda penso nos excelentes momentos que passei com ele? Eu...-

"Mãe, estou de volta." Os meus pensamentos são abstraídos quando a Felicity regressa para a minha beira e me dá a sua mochila para as mãos. "Eu hoje aprendi a letra Q e olh-..." Ela parou de um momento para o outro de falar, exatamente quando eu ia a abrir a porta do carro. "PAPÁ!"

Teen(ager) - h.s {sequela TM}Leia esta história GRATUITAMENTE!