1.2

1.6K 104 11

Já faz um mês que meu tio se foi,e a dor parece nunca passar. Mas eu entendo,a dor é pra ser sentida.

Eu e o Drew combinamos de ir ao cinema com a mãe dele,e tivemos que insistir muito para que ela aceitasse,e por fim ela cedeu,e sabe o que rolou?

Ela foi pegar pipoca enquanto eu e Drew estávamos num amasso e então tropeçou e um deus grego a segurou,foi tipo coisa de cinema mesmo. Ele pediu pra sentar do lado dela e ela ficou toda envergonhada,nisso Drew já estava com muito ciúmes e queria matar o cara. Mas fazer o que se a mãe dele é loira e tem um corpo escultural. Sério, nem parece que ela tem 49 anos.

O cara devia ter uns 35 ou 39 anos,mas era charmoso pra caramba,até eu pegava. O legal foi na hora em que ele pediu o celular dela,ela não queria passar mas eu entrei no meio e digitei o numero dela no celular dele.

E bom,pelo que Andrew disse,ele foi na casa deles a uma semana atrás, e como se é de esperar,Drew ficou louco e o pôs pra fora. Mas eu cupido,vou agir já já.

Ah,o aniversário do Sr. Velho Monstro Ford já passou, e bom,como se era de esperar a festa foi ótima. Menos pra mim,que fui obrigada a olhar a noite toda para aquele velho asqueroso. Eu nunca contaria o que ele fez comigo a ninguém, só contei a Mery e a James, mas se eu contasse à Drew não sei nem como ele agiria,Drew tem a cabeça quente,age por impulso e isso sempre complicou nossa relação. Então melhor manter esse assunto no sigilo,tipo,pra sempre...

Eu estou organizando o leilão a alguns dias e como sou ótima no que faço, já está tudo quase pronto.

Houve uma grande reunião com todos os acionistas e suas esposas,filhas ou mulheres de suas famílias para ver se aceitariam participar e todasss sem excessão, aceitaram. E eu te digo,cada coroa gata,sério, as mulheres que falaram ser mães dos acionistas eram ainda mais bonitas que as esposas.

Bom,eu contratei uma publicitária para ser responsável pelo anúncio e propaganda do evento e da seleção que vamos fazer. E ela vem aqui hoje,pra ser mais exata daqui a exatamente 10 segundos.

"Olá." diz uma voz feminina.

"Olá. Você deve ser a Jéssica Távora,publicitária, não é?" digo dando meu melhor sorriso.

"Oh,sim,sou eu. Você deve ser a Mia,não é?" diz e sorri,meu Deus seu sorriso brilha tanto que queima meus olhos.

"Bom,aguarde um instante que vou avisar Sr. Ford de sua chegada."

Ela se senta na cadeira,aguardando e mexendo em seu celular enquanto sorri.

Espero que tenha namorado... Espero que tenha namorado...

Espero que James não goste de loiras... Espero que James não goste de loiras...

"Sr. Ford? Jéssica Távora,publicitária está aqui." digo pelo telefone à James.

Ele diz um "OK" e logo a porta se abre.

"Olá Jéssica." diz ele sorrindo e ela logo se levanta e aperta sua mão sorrindo também.

Ele não pode sorrir assim pra ela!

"Entre." diz e então eles dois adentram pela sala.

...

James

Assim que aquela loira adentrou pela minha sala e abriu a boca,eu percebi seu defeito. Ela tem a pior voz do mundo.

Sério, é uma mistura de todos os personagens do Chaves e do Galvão Bueno.

Eu acho melhor eu chamar Mia pra me ajudar aqui,porque meu Deus,essa mulher tá falando um grego bem enrolado.

Meu Chefe É ( LIVRO PAUSADO)Leia esta história GRATUITAMENTE!