Invencível

192 20 6

Não importa onde nós estamos,

Não importa o quão longe nossos caminhos podem nos levar

Nós não precisamos de escudos,

Porque o amor é a armadura que precisamos

O amor é o nosso protetor

Nós somos invencíveis

Fiquei chorando por um tempo que me pareceram ser horas, depois da partida de meu irmão.
Estava deitada na minha cama do lado direito voltada para a porta do quarto, a única posição que eu ainda aguentava deitar. Até mesmo deitar parecia um sacrifício tremendo, não encontrava porra de posição nenhuma! Mas por enquanto essa estava bem pra mim.
Estava quase adormecendo quando senti uma vibração por baixo da minha barriga. Estranhei essa sensação e até me alertei. Será que o trabalho de parto era assim?
Meu coração quase pulou da boca com essa possibilidade, mas como a vibração estava se tornando mais forte vindo junto com um barulhinho, percebi que não era de mim e sim de um celular.
Olhei para o meu criado mudo vendo o meu celular lá, junto do copo de água e do abajur, e estava silencioso.
Apalpei por baixo da minha barriga e senti a vibração em minha mão, junto com a forma de um celular. Puxei ele bem rápido percebendo ser o celular do meu irmão e atendi de imediato quando vi o nome Seth no ecrã.

-Alô! - Exclamei bem rápido, mas não houve resposta. - Tom foi embora porque você não foi capaz de assumir o que sentia por ele. Vai viver para sempre negando seus sentimentos ou vai se dar uma oportunidade de ser feliz? - Falei bem depressa e escutei ele suspirando, mas mantendo o silêncio.

Eu fiquei numa dúvida interna sobre se esse teria sido a melhor maneira de o abordar. O garoto ainda devia de estar assustado com o que estava sentindo e eu não fui nada delicada. Mas era tanta coisa na minha cabeça que eu só sabia explodir.

-Seth, me desculpe a forma como falei, mas não mudo um milímetro de palavra do que eu disse. E ainda digo mais. - Respirei fundo, como se fosse arrancar meu coração em palavras para conseguir trazer Seth de volta. - Eu podia continuar nas sombras e viver para sempre no sofrimento da traição e rejeição por parte de Gabriel e Tom, mas eu sei o quanto o amor é poderoso e transforma as pessoas. Eu pensava que odiava essa criança dentro de mim pois ela só me trouxe desgraças e sofrimento, mas veja onde ela me trouxe? Até La Push, onde eu conheci pessoas incríveis, me curei emocionalmente, me apaixonei por Jacob...

Parei um pouco para digerir essa verdade, era difícil amar de novo sem ter certeza se iria dar resultado, mas a vida é assim, cheia de mistérios que todos temos de desvendar e aprender a lidar. Eu não podia ser diferente.

-Eu amei Embry também, mas foi um amor diferente. Um amor de irmão, de amigos que se apoiam e se completam, de companheiros... - Sorri ao lembrar de meus momentos com Embry e de como foi com a ajuda dele que me catapultei para fora das sombras da dor. - Mas com Jacob foi instantâneo. Eu tenho uma ligação muito forte com ele, só não sei bem qual é. E veja, eu podia estar fugindo da felicidade por ser ridículo esse sentimento. Se Embry não tivesse imprintado ele estaria sofrendo por eu amar outro. A vida dá nós e mais nós nos caminhos que percorremos, mas todos eles nos levam a um único lugar. Por mais que a gente escolha outra trilha, que volte para trás, ao fim de tudo sempre chegaremos ao lugar que tanto evitamos, mas que nos estava destinado desde o começo. Mesmo que eu não tivesse engravidado e pedido abrigo a Emily, eventualmente ela me iria convidar para o seu casamento e eu iria conhecer todos vocês. Novos rumos, os mesmos finais. - Concluí, tomando fôlego para continuar. - Não é difícil de ver que você também gosta de Tom. E não importa que os outros se incomodem e não aceitem bem no começo. Se eles te amam acima de tudo, eles vão acabar por te aceitar como você é. Quem você é não muda por causa de uma opção sexual, religiosa ou racial. Por dentro você é exatamente igual. Todos somos iguais. E mesmo que você nunca fique com Tom, se esse é quem você é, se as pessoas que você ama carnalmente não são da espécie oposta à sua e sim da mesma espécie, isso nunca vai mudar. Por mais que lute, no final o coração vence sempre. O amor é INVENCÍVEL! Não importa onde nós estamos, não importa o quão longe nossos caminhos possam nos levar, nós não precisamos de escudos, porque o amor é única armadura que precisamos. Será que você consegue entender isso, Seth? - Falei com sinceridade, sentindo meu rosto sendo lavado por uma água tão pura quanto a água que a natureza nos dá.

✔ How to train a Pack [PT-BR]Read this story for FREE!