Capítulo Final.

603 47 1

Cecilia

Talvez tentar mudar o rumo do seu destino, não seja a coisa mas fácil dê se fazer!.

Foi oque percebi nos,primeiros dias da minha nova vida. Estava com o coração ferido,por ter aberto mão de um grande amor, e também por estar longe da minha família. O único jeito foi praticamente me afundar no trabalho,cuidar daquelas crianças era meu único prazer. Então fazia minhas consultas até o último raio de sol,nos lugares mas distantes do qual eu nem sabia que existia,depois voltava para o alojamento,e fazia relatório para mandar para Doutor Moura. Meu único momento de descontração era conversar com meus pais,pelo Skype ,e com Julia e Nati, quando não estavam de plantão. E assim foi minha vida neste últimos nove meses.

*******

Depois de mas um dia de trabalho, estava jogada na cama depois de um banho merecido,mas precisava fazer meu relatório do dia,então peguei meu notebook,e logo recebi uma mensagem de Julia querendo conversar comigo pelo Skype .

_ Oi maluquete,!disse,em tão de brincadeira.

_ Olha só,...eu só não ti respondo porque o assunto é sério!.Julia disse.

_ O que aconteceu?...diz logo Julia?.perguntei preocupada.

_ Uma pessoa quer falar com você!...e eu só concordei pois ela está me parecendo sincera!.

Então vejo Carol sentar no lugar de Julia,e não consegui entender oque ela queria comigo.

_ Oi Cecilia,...eu sei que você deve estar se perguntando porque estou aqui?.ela disse.

_ Sinceramente,...sim!

_ Cecilia eu sei que fiz muito coisa errada,...mas conviver esses meses com Bel,me fez enxergar tudo diferente,...acho que você sabe o quanto Bel é especial!...então minha princesa me pediu para lhe convidar você pra sua festa de aniversário,que será daqui três dias!...ela senti muito falta da tia Cissa!...,e também quero dizer a verdade para Rodrigo,...vou contar sobre nosso acordo e quero que você esteja presente!. Carol disse,me deixando surpresa.

_ Acho que um pouco tarde pra sê arrepender!...depois de tudo que você fez, você acho que vou acreditar nessa estória?

_ Eu sei que não, mereço sua confiança!...mas pelo menos faça isso pelo Bel,por Rodrigo!...acredita,oque eu ganharia chamando você de volta aqui!.Carol disse,parecendo ser sincera.

_ Eu vou pensar!...não prometo que irei!...desculpe mas tenho que desligar, pois tenho um relatório pra fazer!.falei seco.

_ Tudo bem Cecilia,mas espero que você venha!

Então desliguei a chamada,não sabendo o que pensar sobre essa mudança repentina de Carol. E também não saberia oque dizer ou como reagir diante de Rodrigo, esse amor esteve por todo esse tempo adormecido.

Passei o resto da semana completamente confusa, ainda não tinha decidido sé iria,e a festa de Bel seria amanhã. Resperei fundo, é decidi ir,era melhor se arrepender por ter tentado,do que passar mas oito anos imaginando o que teria acontecido.

******

Entrei no saguão do aeroporto desesperada,meu vôo havia atrasado mas de quatro horas. É isso que dá decidir as coisas na última hora. Finalmente encontrei minha mãe,só ela sabia que eu iria chegar,então ficou de me buscar no aeroporto.

_ Aí que saudades,mãezinha! Falei enquanto à abraçava.

_ Oi meu amor,também estava com saudades!...mas vem comigo você está atrasada para o aniversário,uma hora dessas a festa já começou!.minha mãe me disse, praticamente me arrastando pro banheiro do aeroporto.

Destinos Traçados (completo) Leia esta história GRATUITAMENTE!