19

881 70 7

Oops! This image does not follow our content guidelines. To continue publishing, please remove it or upload a different image.

Já se passou um mês desde o dia do meu reencontro com Vinicius, ele ainda não me procurou e é por que diz que ainda sente algo por mim

Oops! This image does not follow our content guidelines. To continue publishing, please remove it or upload a different image.

Já se passou um mês desde o dia do meu reencontro com Vinicius, ele ainda não me procurou e é por que diz que ainda sente algo por mim... Imagine se não sentisse. Ainda não conversei com minha princesa, mas de hoje não passa... Eu tenho que explicar a situação, ela ainda é muito novinha mas tenho que prepara-la, não posso proibir o pai de vê-la e se eu fizer isso ele pode até levar para o tribunal e eu não quero isso em nossas vidas. 
Maria Vitória está se adaptando muito bem na escola e na nova cidade, todo dia ela chega contando alguma coisa nova e falando sobre novos amiguinhos. Não consigo entender mas ela tem um xodó por Phillipe, mesmo sem saber que é seu irmão... Até já fez desenhos onde os dois estavam brincando. Ela me disse que ele está em uma séria a mais que ela, mas que no intervalo ele sempre a procura para falar com ela ou levar algum mimo. Hoje mesmo ela chegou com um conjunto de canetinhas das princesas da disney. Ele é muito fofo mesmo.

Hoje é sábado e a casa de show estará lotada, uma banda internacional tocará lá e esta tudo uma loucura. Como trabalho sexta e sábado no horário da noite contratei uma babá para Maria Vitória. Amanda é uma adolescente muito atenciosa e minha menina já gosta muito dela.

Já são oito horas da noite e passo no quarto dela para ter 'aquela' conversa e me despedir. Para variar está desenhando alguma coisa e a interrompo dando um beijo de surpresa a assustando...

- Minha princesa mamãe precisa falar com você, venha aqui. - Digo sentando na cama e batendo no colchão ao meu lado.

Ela se levanta e senta olhando para mim.- Ta certo mamis, pode falar. - Sorri tão inocente.

- Você me perguntou uma vez onde estava seu pai, lembra?

- Sim mamis e você disse que eu não tinha pai por que ele havia ido embora. - Ela abaixa a cabeça fazendo um biquinho.

- Querida ele quer conhecer você! Na verdade ele não foi embora. Preciso que entenda com atenção e que abra seu coração ta certo? - ponho a mão em seu coração e ela arregala os olhinhos.

DOCE LOUCURA - Quando menos esperamos aconteceLeia esta história GRATUITAMENTE!