não vou te dividir

2.5K 319 32

Meu afeto está crescendo de maneira incontrolável na medida em que o tempo passa. E tempo, como você bem sabe, é coisa inexorável: não deixa nem um segundo de passar. Por isso decidi martelar essas teclas novamente, e reproduzir meu poema em extensão para aquele que não merece. Aliás, essa história de me fazer perder em sorrisos já está passando dos limites. Aliás, teremos de concordar, você está se perdendo em mim também.

Você, se perdendo, está em mim.

Eu até deixo seus olhos beijarem a pele do meu rosto de vez em quando, mas eu daria mil pensamentos para sentir seus lábios. Vamos brincar de quem desvia o olhar primeiro? Tenho quase certeza que eu vou perder... e que surpresa a minha quando os desvia. E sorri.

Eu escrevo de novo, e de novo, e de novo. Fazia tempo que não escrevia com a caneta da mão, e sabe Deus como, mas você trouxe isso de volta. Estou curiosa pelos próximos dias.

P.s.: este texto era para expressar raiva. Mas como você muito bem sabe: você me desarma.

Eu, NósLeia esta história GRATUITAMENTE!