Capitulo Quarenta e Sete

59.6K 4.5K 822

Abri os olhos lentamente não me lembrando de nem mesmo onde estava. Senti minha cabeça doer e um peso em minha cintura me impedir de levantar.

Olhei para o lado encontrando Daniel. Ele dormia calmamente. Olhei para meu corpo encontrando apenas uma camisa que eu reconhecia ser dele. Levantei-me em um pulo fazendo com que ele acordasse:

–O que foi amor? –Ele perguntou coçando o olho.

–Amor? Amor, Daniel? –Perguntei e ele riu. –O que estou fazendo com você? –Perguntei. –Onde está Luke? Mallu e Gus? –Perguntei.

–Como assim? Realmente não se lembra da nossa noite? –Perguntou. –Sua primeira vez? –Perguntou.

–Primeiro: Não sou virgem; segundo: Você nunca faria nada comigo bêbada! –Disse caminhando até a porta.

–Emily espera! –Ele disse se levantando e me prensando contra a porta. –Eu... –Ele me olhou.

Seus olhos desceram para os meus lábios e lentamente ele se aproximou.

Senti seus lábios nos meus e então eu pude ter noção do tamanho da saudade que eu sentia dele.

Seus braços envolveram minha cintura e eu encaminhei minhas mãos até seu cabelo, mesmo com tudo gritando para que eu o empurrasse.

Quando ele se afastou, um pequeno sorriso se abriu em seus lábios, fazendo duas pequenas covinhas surgirem próximas a sua boca.

Aproximei-me e lambi-as fazendo-o rir.

–O que foi isso? –Perguntou ele rindo.

–Queria fazer isso há tempos! –Dei de ombros e abri a porta.

–A onde você vai? –Ele perguntou.

–Procurar Luke, Mallu e Gus. –

–O que ele é seu Emily? –Perguntou.

–Isso não esta em discussão, Daniel. –Disse saindo e batendo a porta atrás de mim.

Saltitei pelos corredores, parando segundos antes de bater de frente com Luke que fechou a cara para a blusa que eu vestia.

–Te deixo com Daniel e você já volta indecente! –Disse Luke revirando os olhos e me entregando a blusa de frio que estava amarrada em sua cintura.

–Porque você fez isso? –Perguntei enquanto passava a blusa por minha cabeça.

–Matheus apareceu com você dormindo e então Daniel pediu para te levar até o quarto e ele deixou. –Disse ele. –Aliás, você fica muito sexy com essa blusa. –Disse malicioso. –Mas vamos comer que estou com fome. –Disse me puxando.

Caminhamos lado a lado enquanto vez ou outra nos batíamos.

Luke havia se tornado meu ponto de paz. Estava comigo para rir, beber e chorar.

Ás vezes brigávamos, mas apenas para a amizade não perder a graça, mas nos acertávamos sem nem mesmo perceber.

Sentei-me a frente de Mallu, em um canto afastado do refeitório, enquanto Luke ia buscar algo para comermos.

Ela parecia distante e preocupada:

–O que você tem? –Perguntei.

–Vocês estão se acertando, isso é ótimo, mas... Não quero ser esquecida. –Murmurou e eu ri.

–Quem é você mesmo? –Debochei. –Eu não vou te esquecer, somos uma só, lembra? –Perguntei e ela assentiu rindo.

–Sim. Uma só. –Disse ela apertando minha mão.

S.O.S Internato: A Marrenta tá na área!!!-EM REVISÃO ||LIVRO ÚNICO||Leia esta história GRATUITAMENTE!