Sangue de Princesa

6.2K 195 12


Naquele dia, eu estava exuberante em meu vestido de renda rosé que vinha justo até a cintura e se abria bem rodado até o chão, meus cabelos castanhos estavam escovados e cacheados, usava joias que combinavam com meus olhos verdes cor de esmeralda e minha pele branca, que quase sempre era pálida, naquele dia estava com brilho e cor.

– Obrigada, garotas, vocês zeram um bom trabalho! – Agradeci.

As cinco criadas que estavam no quarto sorriram para mim e se afastaram um pouco enquanto eu me sentia maravilhada observando o lugar onde me encontrava.

O quarto real de convidados do palácio.

Nada naquele dia poderia ser mais especial, eu me sentia bem e minha autoestima estava alta. Também, estar sendo tratada como uma princesa tinha seus efeitos sobre uma garota como eu, pensei.

Confiante de que a noite seria incrível, levantei-me da banqueta em que estava sentada e saí para a enorme sacada que dava para meu quarto de hóspede. Sorri ao ver que não paravam de chegar mais e mais convidados em seus helicópteros pousando no imenso pátio da força aérea do palácio. E apertei forte com as

mãos em meu peito, para que meu coração não saltasse fora de tanta aflição.

Esforçando-me para que a ansiedade não tomasse conta de mim, dei a volta e entrei novamente em meu quarto, onde me deparei com o relógio de ouro tiquetaqueando ao lado da penteadeira que já me indicava estar quase atrasada.

Vamos, Aurora, você sabe bem que horário está escrito no convite!

Tentando controlar o nervosismo e minha respiração que pro- cedia muito curta e inquieta, segui até a penteadeira adornada em ouro e peguei o convite prateado novamente em minhas mãos que, incontroláveis e inconvenientes, começaram a tremer.

Cara Srta. Aurora Avin.

A pedido de meu finado primo, convido- lhe para comemorar seu aniversário de 17 anos com um grandioso baile a ser realizado no dia 27 de dezembro de 2154, às 19h30, em nosso palácio de Gade.

Caso aceite o convite, envie-nos uma carta- -resposta. Ficaremos gratos com sua presença.


Ass. Rei de Gade/ Thomas Avine.

Sangue de PrincesaRead this story for FREE!