Capitulo II

1.8K 134 14

Era intervalo e todos os alunossairam correndo para fora das salas, inundando o corredor até acantina.


Fechei meu armário depoisde guardar minhas coisas e estava prestes a ir para a cantina, quandode repente eu o vi . O senhor arrogante, estava com seus dois amigos,Jimin e Jungkook. Seus uniformes são totalmente diferente dosdemais, com umas modificações que deixavam um ar de rebeldia. Ficoumuito claro que eles são os grandes rebeldes da escola.


Virei-me para o outro ladoem vez de caminhar para a cantina tentando evita-los:


- Yah!


Merda.


Apressei meus passos econtinuo andando pata frente.


- Lee Hyejin!


Me virei para trás eTaehyung estava correndo em minha direção e eu estava suando frio.


Graças a Deus o banheirodas meninas estava a poucos passos de distância e eu corri e meescondi la dentro. Dei um suspiro de alívio, mas meu coração podiaser ouvido a quilometros de distancia. Eu só quero o evitar o quantoeu puder. Ele sempre traz problemas para mim.


Esperei dentro poraproximadamente 5 minutos até não ouvir barulho lá fora. Eu abri aporta do box lentamente e espiei fora do banheiro. Não havianinguém. Ufa.


Sai do banheiro na ponta dospés. Infelizmente, eu não fui muito longe quando senti que alguémestava vindo em minha direção.


Ele, com muita força, foime arrastado de volta para o banheiro das meninas e me jogou contra aparede.


- UGGG KIM TAEHYUNG o que vocêquer? - perguntei enquanto eu passa a mão em meu cotovelo que foijogado contra a parede. Respirei nervosamente. Esperava que não mefizesse pedidos estranhos.


- Você já fez a lição deciencias que era para entregar hoje? - Ele perguntou


- S-sim - eu disse, tentandoparecer tranquila, mas eu tenho um pouco de medo dele. UM POUCO.


- Deixe-me copiá-lo


- Realmente V? Você meperseguiu por todo esse caminho apenas para copiar as respostas dalição? Desde quando você se preocupa com a lição de casa? -Perguntei cruzando os braços


- Cala a boca e me da - Eledisse


- Mais tarde - respondi e tenteiempurrá-lo, mas ele me bateu contra a parede novamente.


- QUE FOI?


- Eu quero agora – Disse


- Depois - eu respondi e tenteisair mas ele bloqueou a porta com os dois braços esticados de umlado para o outro. Irritada, pisei no pé dele - bastardo louco -disse e sai.


- LEE HYEJIN! - Eu o ouvi gritarmas ignorei e continuei meu caminho até a cantina


* * *

O intervalo acabou e eu volteipara a sala de aula.

- Bom dia - Senhora Gil noscumprimentou e voltamos a saudação com um tom monótono - pareceque você estão animado para a aula de hoje - comentousarcasticamente - Agora todo mundo me deem seus deveres de casa -Todo mundo abriu as malas e pegou seu dever. Me virei para trás eolhei para Taehyung que senta a 2 mesas da minha. Ele olhou para mim,e eu sorri e estranhamente, ele sorriu de volta.


Virei-me para minha mochilae tirei de lá minha lição de casa, completa com muita dificuldade.


No entanto, para meuespanto, uma lagarticha veio junto com os papéis. Deixei cair ospapéis e gritei em plenos pulmões com a visão de uma das acriatura mais nojenta do mundo. Eu quase caí para trás em minhacadeira, mas consegui me conter.

Todos se viraram para olharpara mim, exceto Taehyung, que caiu na gargalhada vendo-me assustadacom lagarticha.


Mas então olhei direito.Ela não se mexia. Ai percebi que era uma lagarticha falsa feita deborracha. Olhei para Taehyung:


- VOCÊ!


Ele ainda estava rindo.Peguei a lagarticha falsa e joguei nele


- Você fez isso não é mesmo!?


Sua risada parou, talveztivesse ficado ofendido por jogar a lagarticha falsa nele


- Yah, Lee Hyejin - ele selevantou e caminhou em minha direção.


- Vocês dois! O que estáacontecendo!? - Senhora Gil olhou para nós. Todos na classe ficarammudos e nos olhavam com pena -Brigando de novo? - Ela perguntou


- Não! Ele colocou a lagartichafalsa na minha mochila! - Expliquei


- Eu não fiz nada!


- Vocês dois, fora da sala deaula agora e mãos levantadas -
De novo não. Isso se repetesempre que estou do lado de fora da classe com as mãos levantadas.


- Estou ficando cansada disso -disse e coloquei minhas mãos para cima


- É totalmente sua culpa - Eledisse


Eu não tinha mais energiapara discutir, fiquei quieta e continuei ali com as mãos para cima.


Felizmente foi apenas por umcurto período. O sinal tocou e eu dei meus braços um bomalongamento.


- Eu deveria ter colocado umalagarticha de verdade na sua bolsa agora - Ele disse e me cutucou.


- Foda-se - eu disse e revireios olhos.


Senhora Gil saiu da sala enós pensamos que ela estava simplesmente indo embora.


- Vocês dois, sigam-me para oescritório - Ela disse


Oh droga.


Eu e Taehyung nos olhamosfixamente por algum tempo, então relutantemente a seguimos.


Quando chegamos eu olhei umaplaca na porta "Diretoria". Engoli em seco. Senhora Gilbateu na porta e virou a maçaneta da mesma. Então, ela deu-nos umsinal e entramos na sala.


Suspirei. Estou condenada.

---------------------------------------------------------------

Eai? então?

eu sinceramente achei ue a tradução desse ficou uma bosta mas ta.

Então eu demorei um pouquinho para postar porque: Eu tinha jogo(futsal) no domingo, mas não teve e eu tava na casa da minha vó sem o cumpiutador. resumindo: 1 semana sem computador e com o celular... que dó. Entã esse ai já tava na metade foi só coisa e pronto!. WOW

Emfim, é isso espero que tenham gostato bjs!


Mr Arrogant || Kim Taehyung [Tradução PT-BR]Leia esta história GRATUITAMENTE!