[Louis POV.]

Depois de um banho, que consistiu um pouco mais do que apenas ficar limpo, Harry permaneceu agarrado a mim, como se ele não me quisesse fora de sua vista por mais de alguns minutos.

Durante o almoço, ele ficou no meu colo para comer o sanduíche de queijo grelhado. Não que eu estivesse protestando. Era adorável como ele se enrolava em sua longa estrutura e se aconchegava em meu peito, segurando minha camisa com a mão solta e comia seu sanduíche com a outra. Niall e Liam se sentaram de frente pra mim e Harry, levantando suas sobrancelhas para a nossa posição.

Minha mãe simplesmente riu quando percebeu o jeito que nós estávamos e eu lhe dei um sorriso tímido em troca. “J-Jay...” Harry se endireitou em meu colo, sorrindo para minha mãe. “I-Isso está muito bom!”

“Obrigada, Harry!” minha mãe riu. “Você pode comer mais, se quiser.”

Harry assentiu para ela mais uma vez antes de voltar a se aconchegar em meu peito. Eu senti alguns farelos caírem na minha camisa, “Você está sujando a minha camisa, gatinho bagunceiro!”

“D-Desculpa!” Harry gaguejou, sentando-se e tentando limpar a bagunça de migalhas que havia feito em mim.

Eu ri, inclinando-me para pressionar um beijo em sua testa: “Tudo bem amor, não é grande coisa.”

Harry estava demorando bastante para terminar de comer seu sanduíche, considerando que a maioria de nós já havia acabado fazia vários minutos e ele ainda estava na metade. Mesmo quando Niall saltou de sua cadeira e saiu rebocando Liam para fora da cozinha, Harry continuava a comer tranquilamente seu sanduíche.

Algum tempo depois, Harry terminou de comer e eu bati levemente em suas costas para que pudesse me levantar. Ele saiu do meu colo, ficando de pé e estendeu a mão para pegar a minha. Eu ri do menino mais novo, ignorei sua mão, mas o envolvi num abraço e beijei sua testa.

Levei o menino gatinho para sala, ainda com meus braços ao seu redor e o puxei para cair no colchão de ar comigo. Ele soltou um pequeno grito de surpresa quando caímos, mas se aninhou em meu peito. Depois de meia hora assistindo a TV com Niall e Liam, cuidadosamente tentei me soltar de Harry, que franziu a testa e lamentou: “O-Onde você está indo?”

“Eu tenho que usar o banheiro, amor.” Eu ri.

“Leve Harry com você.”

“Seria: me leve com você.” Liam corrigiu, claro que ele parou de assistir a televisão a tempo suficiente de corrigir o menino gatinho.

“Foda-se, Payne.” Eu bufei.

“Esse é o meu trabalho!” Niall respondeu alegremente.

“Niall...” Liam suspirou e Niall riu.

Levantei-me do colchão de ar e fui andando pelo corredor, quando de repente senti alguém pressionar o meu braço. Quase batendo na parede de surpresa, olhei para a pessoa que me acompanhava e meus olhos encontraram um Harry corado.

“Oi gatinho,” eu ri. “Você tem que usar o banheiro também?”

“Não”, Harry murmurou. “Harry apenas q-quer estar com Louis.”

“Você sabe que eu iria voltar.” Afaguei os cachos do menino, mas permiti que ele entrasse no banheiro comigo, fechando a porta atrás de nós.

Harry se virou e encarou a porta, lembrando que eu tinha feito à mesma coisa quando estava no banheiro com ele, e Lottie também estava no chuveiro no momento, mas isso não era realmente importante.

Uma vez que eu tinha fechado as calças, Harry abriu a torneira da pia para mim e ficou saltando para cima e para baixo na ponta dos pés, enquanto esperava por mim.

Uniquely Perfect ~ Portuguese Version [Book 1]Leia esta história GRATUITAMENTE!