[Liam POV.]

“Phoebe!” eu fui acordado pelo grito da Lottie. “Você está pisando na manga do meu casaco, caia fora!”

Niall obviamente foi desperto também, porque ele acabou rolando da cama e caindo no chão, ainda bêbado de sono.

Eu vi suas costas e dei um pequeno sorriso quando ele se aproximou de Phoebe, que parecia à beira das lágrimas, e a levando para longe de Lottie. Então, ele ajudou Lottie com seu casaco e afagou a cabeça de Daisy quando ela correu para perto.

“Mamãe está no carro”, Daisy informou. “Ela sempre diz que vai sair e nos fazer pegar o ônibus, se demorarmos muito, mas não acho que ela realmente faria isso.”

Felicity veio correndo para a sala, tropeçando, enquanto tentava colocar seu sapato: “Eu não consigo colocar meu sapato!”

“Eu posso carregar você para o carro e você pode colocá-lo lá, se você quiser Fizz.” Niall ofereceu, e eu senti meu coração inchar de orgulho para a doçura do meu menino cão.

Lottie levou Daisy para fora e Phoebe levantou depois quando Felicity respondeu: “Niall! Você não está calçado, mas obrigada. Vejo você depois da escola!”

Niall acenou para elas e, provavelmente, Jay antes de fechar a porta e se virar para caminhar sonolento de volta e tentou rastejar cuidadosamente para o sofá-cama.

Eu ri: “Eu já estou acordado, amor.”

Niall congelou antes de cair sobre mim em derrota: “Desculpe...”

Envolvi minhas pernas nele e o coloquei em meu peito, “Você não me acordou. Foram os quatro pequenos problemas.”

Niall suspirou satisfeito e baixou a cabeça para esconder o rosto em meu pescoço: “Elas são um grupo interessante. É óbvio que elas puxaram ao Louis.”

Eu levantei minha cabeça, puxando Niall comigo quando fui espiar Louis dormindo. Ele tinha o braço enrolado em torno de Harry, e Harry tinha uma mão segurando a camisa de Louis camisa enquanto seu rosto estava pressionado no pescoço do Louis. Eu sorri: “Olhe para eles. Eles estão tão apaixonados.”

Niall virou a cabeça e riu antes de cantar baixinho: “Eu posso ver o que está acontecendo. E eles não têm a menor ideia.”

Revirei os olhos, mas terminei por ele, “Eles estão mais do que apaixonados!”

“Que maravilha!” Niall riu. “Mas isso pode ter seus benefícios... Louis não vai aparecer inesperadamente no nosso apartamento o tempo todo, o que nos dá muito mais tempo para-”

Cobri sua boca, “Nós não vamos discutir isso aqui na casa da mãe do Louis.”

“Tudo bem.” Niall fez beicinho, afastando-se de mim. “Eu só vou voltar a dormir.”

“Você podia pelo menos me beijar, sabe.” Eu bufei. “Não ganhei nem um mísero ‘bom dia’!”

Niall rolou e propositadamente lambeu minha testa: “Bom dia.”

“Estranho.” Eu beijei sua testa.

“Anormal.” Ele respondeu, beijando meus lábios.

Atirei-me para ele, “Cachorro!”

Os lábios de Niall fizeram um beicinho: “Isso magoa.”

“Mas eu te amo.” eu disse a ele com carinho, roçando nossos narizes.

“Não consigo olhar para você todo bagunçado.” Niall riu.

“Então, não olhe para mim.” bufei. “Sei que não estou agradável.”

Uniquely Perfect ~ Portuguese Version [Book 1]Leia esta história GRATUITAMENTE!