[Louis POV.]

Acordei com duas mãos acariciando minhas bochechas, e um sussurro suave: “Louis? Louis... H-Harry t-tem a-algo pra você.”

Forcei meus os olhos a se abrirem, encontrando os olhos verdes de Harry: “Hm? Que horas são- brincadeira, você não sabe como responder a isso.”

“É de manhã.” Harry ofereceu, segurando algo na mão boa.

“Espera... É de manhã?” Engoli em seco. “Eu dormi ontem o dia todo e durante toda a noite?”

“Sim.” Harry acenou com a cabeça, empurrando o que ele tinha em sua mão fechada para mim novamente.

“Eu sinto muito gatinho! O que você comeu? Você foi alimentado?” Eu divagava.

“Liam c-cuidou de H-Harry.” Harry riu. “Agora, L-Liam diz que L-Louis p-precisa t-tomar r-remédio.”

“Liam terá que vir me forçar.” eu fiz beicinho. “Eu odeio tomar remédio.”

“M-mas você vai tomá-lo p-por Harry?” ele perguntou, chegando mais perto e me olhando suplicante, com seus grandes olhos verdes.

Eu cedi, “Deixe-me ver... Isso é pra quê mesmo?”

“D-dor de... Cabeça?”

“Oh, você quer dizer uma dor de cabeça?” Eu corrigi gentilmente.

“Sim.” ele balançou a cabeça, deixando cair uma pequena pílula em minha mão e apontando para a mesa do lado da cama onde tinha um copo de água.

“Obrigado, gatinho.” eu coloquei o remédio na minha boca, e quando cheguei para pegar a água, Harry pegou para mim e me entregou o copo, tomei um gole. “Então, como você se divertiu?”

“H-Harry ficou com Louis.” ele me disse.

“Espere”, eu quase engasguei com a minha água e Harry se adiantou para dar um tapinha nas minhas costas. “Você ficou comigo o tempo todo?”

“Harry não q-queria deixar L-Louis sozinho no c-caso de L-Louis estar quebrado.” ele me informou, aproximando-se de mim e tentando se aconchegar.

Eu passei meus braços ao redor do garoto mais novo, deslizando a mão em seus cachos para massagear entre suas orelhas: “Você parece ter banhado, mas seus cachos estão macios...”

“Harry tomou banho.” ele acenou com a cabeça contra o meu lado. “Então... Louis... Louis n-não e-está quebrado?”

“Não.” eu assegurei a ele, colocando um beijo em sua testa. “Eu não estou quebrado.”

“A c-cabeça de Louis está machucada.” ele me disse, afastando-se para examinar o lado da minha cabeça.

“É mesmo?” Eu soltei Harry para escovar os dedos em minha lesão, estremecendo. “Ah. Isso dói um pouco.”

“E-então não faça!” Harry me repreendeu, puxando minha mão.

Eu ri: “Você já tomou café da manhã, gatinho?”

“Não”, ele balançou a cabeça. “Liam está fazendo isso agora...”

Eu balancei a cabeça, esticando minhas pernas rígidas e acariciando as costas de Harry para ele entender que eu estava me levantando. Harry saiu da cama e ficou esperando por mim. Eu deslizei para fora da cama sozinho, olhando para o meu pijama e dando de ombros.

Teríamos que ir ao supermercado, mas eu tomaria banho antes de irmos. No entanto, eu precisava abrir as cortinas da minha janela e deixar um pouco de luz entrar porque o quarto parecia muito escuro.

Uniquely Perfect ~ Portuguese Version [Book 1]Leia esta história GRATUITAMENTE!