[Liam POV.]

Não era só o olhar de Louis que parecia cansado quando ele conduziu Harry gentilmente para a minha sala de estar, mas ele parecia um pouco estressado também. Harry parecia que o conhecia também, porque ele olhou em confusão para Louis assim que retirou seus sapatos, quase que acariciando seu braço com a mão livre, pois a outra segurava um DVD.

Louis deu um sorriso forçado, e quando Harry se sentou no sofá, virou-se para mim. O olhar que ele me deu disse claramente que queria eu o seguisse. Então Louis se virou e caminhou para a cozinha. Atirei um último olhar para Harry, que agora tinha Niall sentado ao seu lado com um pedaço de papel cheio de formas geométricas que ele tinha desenhado.

Quando entrei na cozinha, Louis já estava andando de um lado para o outro. Eu levantei minhas sobrancelhas, "Uh... Lou?"

"Eu me sinto absolutamente horrível sobre isso, mas eu estou deixando Harry com você." ele deixou escapar, instantaneamente.

Eu processei as suas palavras por um momento, "Mas Louis..."

"Não, Liam. Ele e Niall estão se dando bem agora... Ele vai ser mais feliz aqui, tenho certeza. Harry vai estar aqui à metade do tempo de qualquer maneira, enquanto eu estou trabalhando. Mesmo se eu continuasse com ele, Harry ficaria aqui a maior parte do tempo, porque eu teria que aumentar minhas horas de trabalho apenas para mantê-lo." disse Louis persistentemente.

"Bem", eu suspirei. "Você não parece estar se sentindo tão horrível assim, já que está praticamente o abandonando."

Louis colocou a mão sobre o rosto, "Você não entende. Eu não posso me dar ao luxo de mantê-lo em minha casa, Liam. Eu não vou abandoná-lo."

"Você tem certeza, Louis? Quero dizer... Você realmente pensou sobre isso? Harry desenvolveu algum tipo de atração por você." Mordi o lábio.

Louis deixou cair o olhar para o chão: "Eu não consegui dormir a noite passada. Sentei-me a mesa da cozinha, até às três da manhã, só de pensar nisso."

"Tudo bem..." Eu murmurei. "Então você pensou bastante, ok... Tudo bem então. Harry vai ficar comigo e Niall.”

"Então... Eu não falei com ele sobre isso", ele murmurou.

"Você não-" Eu comecei em horror. "Você provavelmente deveria fazer isso... Você sabe... Tipo agora."

"Eu estava esperando que você fizesse isso!" ele chiou.

"Não, não serei eu a magoá-lo!" Eu balancei minha cabeça. "Isso é com você."

"Ele pode manter o meu suéter e o DVD dos Aristogatas." ele implorou. "E ele ainda vai me ver, então não é como se eu estivesse o chutando para fora da minha vida. Liam, por favor, se eu digo isso a ele, então eu vou me sentir ainda pior!"

Eu examinei o rapaz de os olhos tristes e suplicantes. Ele realmente se sentia mal por não ser capaz de manter Harry em seu apartamento, e eu percebi que ele estava passando exatamente pela mesma coisa que eu passei com Niall.

A adoração que você não consegue deixar de desenvolver para alguém que é tão adorável, alguém que realmente confia em você e precisa de você. Então eu me senti mal também, sabendo que Louis realmente estava fazendo isso para o bem de Harry, "Tudo bem... Tudo bem. Vou dizer a ele... Provavelmente depois que você sair."

"Eu nem tenho que trabalhar hoje", ele gemeu. "Ainda estão tentando consertar o encanamento estúpido do meu local de trabalho. Rob disse que não vai mais pagar pelo tempo de que estou sem trabalhar, como se a culpa fosse minha. Eu já te disse o quanto eu odeio esse homem?"

Uniquely Perfect ~ Portuguese Version [Book 1]Leia esta história GRATUITAMENTE!