Capitulo 13

295 19 2

Chegamos a um quarto que supostamente era do louis e nos entramos e ele trancou a porta.

Eu:Afinal o que queres falar comigo? - Eu perguntei secamente e ele olhou para mim e depois baixou o olhar.

Zayn: Queria-te pedir desculpa pelo que te disse hoje,eu não queria dizer aquilo. - O rapaz moreno tinha um olhar de arrependimento,mas será que esse arrependimento é verdadeiro ou ele está só a representar?

Eu:Mas disseste e isso magoo-me,eu não sou nenhuma das tuas putas que comes em menos de uma semana,eu sou uma pessoa com sentimentos e tu nem te lembras te disso. - Eu praticamente gritei com ele e desta vez tinha um olhar escuro e frio.

Zayn:Eu já te pedi desculpa não sei o que queres que eu diga mais! - Ele voltou a gritar mas mais alto.
Eu deixei cair as lágrimas que tinha presas desde que cá tinha chegado.
Eu funguei e olhei para ele com frieza.

Eu:Não quero que digas nada,só quero é desaparecer de uma vez por todas. - disse baixo e triste,ele não percebe que eu o amo?

Preparava me para destrancar a porta,mas fui empurrada contra a porta. O zayn tinha as suas mãos na minha cintura e eu no seu peito.

Zayn:Desculpa-me. - disse num susurro muito perto da minha boca. Eu estou a dar em louca,estes lábios dele,são tao perfeitos que eu não me importava de os beijar o dia inteiro.
Sem eu estar a espera ele beija-me desesperadamente fazendo com que eu automaticamente ponha as minhas mãos no seu cabelo puxando-o para mim.
Senti um alto na minha barriga e olhei para baixo vendo-o excitado.
Ele deitou-me na cama começando a distribuir beijos por o meu maxilar,derrepente sinto uma mao debaixo da minha blusa e a apertar me os seios,eu gemi. E só depois é que a minha sanidade voltou.
Eu parei-o e ele olhou para mim confuso.

Zayn:O que se passa?

Eu:Nos não podemos zayn,eles estão lá em baixo. - Eu disse envergonhada por o que estava prestes a acontecer se eu não o tivesse parado.

Zayn:Tudo bem. Mas já viste o estado em que me deixaste? - apontou para o seu membro excitado e eu corei.

Eu:Acho que desta vez vais ter de usar as tuas lindas mãos zayn. - Eu disse com divertimento e gozo. E ele olhou para mim de olhos semi-serrados.

Zayn:Porque é que não me ajudas tu? - Falou com divertimento e desespero na voz,e eu corei. - Não precisas de ficar com vergonha eu estava só a brincar. - gozou outra vez. - Mas até que não era má ideia!

Eu:Cala-te. - Eu resmunguei e ri-me ao mesmo tempo. - Eu vou lá para baixo,quando tratares ai desse,pequeno grande problema vai lá ter. - eu sai do quarto a rir-me e desci as escadas indo ter à sala com os rapazes.
Cheguei lá abaixo estavam todos a olhar para a televisão,mas assim que ouviram os meus passos viraram se todos para trás em sintonia para ver quem era.

Louis:O que estavam a fazer lá em cima? - Perguntou com cara de perverso e eu semi-serrei os olhos.

Harry:Onde é que ele está? - perguntou referindo-se ao zayn dei um risinho pelo nariz.

Eu:Esta a resolver uns problemas. - Eu disse a tentar controlar o riso.

Liam:Ui imagino que problemas sejam esses. - Deu uma gargalhada e eu ri-me também.

Niall:Olha ele vem ali. - apontou para as escadas e todos nós viramos para o sitio onde ele apontou.
La vinha o zayn,com uma cara visivelmente mais aliviada do que à bocado.

Niall:O que é que estavas a fazer que demorou tanto tempo? - perguntou ao rapaz de bradford com cara de perverso e gozo.

Zayn:Hum...N-nada.- Respondeu todo atrapalhado e levemente corado e nos desatamo-nos a rir.

Perfect||ZM Leia esta história GRATUITAMENTE!