5.

1.3K 81 10

            "Fiquem cá a dormir, já é tarde e daqui até casa da Luanna é um pouco." A mãe do Harry insistiu para mim, exagerando um pouco, visto que dez minutos não são assim tanto; o mal mesmo está na neve que, ao espreitar pela janela, conseguimos ver.

"Hm, não quero incomodar. Mas obrigada pela simpática proposta." Limitei-me a dizer, com um doce e curto sorriso nos lábios.

"Eu insisto! Amanhã depois de almoço, vão embora."

"Eu... hm..." Tenho o suposto almoço com o Niall porém sou incapaz de recusar. O Harry também vai ficar feliz quando lhe disser que passamos cá a noite – pode parecer inútil, mas para ele vale imenso ser eu a ceder á mãe dele. "Pronto, está bem, vou só avisar o Harry."

Dito isto, simplesmente me afastei. Antes da mãe do Harry falar comigo, eu estava sossegada num quarto que a Gemma me tinha levado para colocar a Felicity a dormir.

Abandono o quarto, assim que a mãe do meu noivo faz o mesmo e desço a escadaria de madeira lisa, em direção á cozinha, onde já não estava nenhum familiar exceto Gemma e Liam, que pelo que me deu a entender, ele vai ficar a descansar cá, também. Toco no ombro do Hazz e ele simplesmente curva-se e encara-me seriamente.

"Passamos aqui a noite, está bem? Estive a falar com a tua mãe."

"Sim, sim, ótimo."

O clima parecia estranho e isso tornou as coisas constrangedoras; então simplesmente me afastei e encaminhei-me até á sala, onde me sentei no sofá com o meu telemóvel nas mãos.

Niall, eu janto aí. Mas almoçar não dá. Luanna, x.

Porquê? Niall, x.

Não é da tua conta. Luanna, x.

Rude. Niall, x.

Estou entediada, queria estar em casa. Luanna, x.

Onde estás? Niall, x.

Em casa dos meus futuros sogros. Luanna, x.

Como assim? Futuros sogros? Vais casar? Niall, x.

Pois é... Não te disse. Queria dizer pessoalmente, julguei ser melhor mas pronto, agora está 'dito'. O Harry pediu-me em casamento ontem e eu aceitei. Luanna, x.

Sem qualquer tipo de resposta. Será que enviou? Sim, enviou.

O meu telemóvel mostra as 1:30 a.m certas – tenho sono, acho que já não faço nada de jeito por enquanto. As pessoas ainda estão todas espalhadas pela cozinha, e eu aqui na sala; Luanna, sempre a fazer boas figuras.

Na cozinha, despeço-me de toda a gente e Harry acaba por decidir que também seria melhor ir-se deitar. Nenhuma palavra dirigida. Passa-se algo?

[...]

Deito-me por baixo dos cobertores daquela cama confortável, no quarto de hóspedes. Deixo um suspiro escapar por entre os meus lábios, quando sinto o corpo de Harry juntar-se ao meu e o seu braço rodeia a minha cintura, por cima de um pijama que a Gemma me emprestara, que ficava-me á medida ideal. Parece que o sono, num ápice, foi-se – uma viagem que, pelo que me pareceu, sem regresso.

"Estás bem?" Ele murmurou, perto do meu ouvido.

"Sim," Agarro a sua mão que desenhava círculos imaginários com os seus dedos na minha barriga. "Eu estou."

"A Felicity adormeceu bem?"

Assinto e sinto um beijo molhado ser depositado na minha bochecha. Tão querido.

Teen(ager) - h.s {sequela TM}Leia esta história GRATUITAMENTE!