▨ Chapter XXXII.

28.9K 1.7K 2.2K

I have a son. His name is Ishmael. He never calls me anymore. (⁎⁍̴̛͂⁍̴̛͂⁎)**⋆♡ོ

-

"Mamãe?" Louis questionou, o alfa pôs a mão sobre os ombros do menor, com o olhar de Jay sobre eles, o cacheado fez uma nota mental para não colocar suas mãos abaixo do umbigo do ômega, uma vez que Johannah estava em Holmes e poderia castra-lo se achasse necessário. "O que você está fazendo aqui?" Voltou a questionar, Jay soltou uma risadinha divertida e sorriu amorosamente para os dois diante dela.

"Oh, eu também senti sua falta querido. Estou bem, não precisa se preocupar." Jay disse ironizando, Louis soltou-se de Harry e sorriu de forma adorável para sua mãe, que lhe devolveu o sorriso, o ômega se aproximou, dando nela apenas um beijo na bochecha e Jay lhe deu um também, afagando o cabelo de seu filho, então o ômega meigo deu a volta no balcão e beijou a bochecha de Anne, e recebeu um beijo na testa de volta, e o alfa permaneceu parado ali na entrada da cozinha, seus olhos surpresos sobre sua sogra e sua mãe, intercaladamente.

"Ei genro, venha cá." Jay disse ao alfa e sorriu amorosamente. Ela se lembrava de ver o cacheado com 2 anos uma vez mas fazia tempo, ainda sim Harry tinha os mesmo olhos e boca. Harry fez uma expressão divertida, então se aproximou e da outra Tomlinson, sentindo o aroma de gardênia, no entanto, o único cheiro que prevalecia para Harry era o aroma cítrico ainda sim adocicado de Louis, o alfa deixou-se ser abraçado por Jay e retribuiu o abraço, abraçando-a pelos ombros carinhosamente, e ganhou um sorriso semelhante ao de Louis quando se afastou.

"As meninas estão?" Louis perguntou e Harry podia vê-lo visivelmente animado, o sorriso brilhante junto dos olhos azuis amorosos, o alfa mal podia esperar pelo momento em que veria seu ômega ter os mesmos gestos ao falar sobre seus filhotes, seria a melhor visão da vida de Harry. Jay negou, puxando para o lado seu cabelo liso e comprido, ela tomou um gole de seu chá de camomila e logo depois suspirou.

"Não, ficaram com a vovó." Jay falou e Louis diminuiu o sorriso, um pouco mais cabisbaixo por saber que as irmãs não estavam lá. Harry passou pelo balcão e deu um beijo na testa de sua mãe, em troca recebendo um afago nas costas, e em seguida o cacheado se pôs atrás do menor, abraçando o ômega pela barriga e recostando as costas de Louis em seu peito, pondo o queixo sobre o ombro do menor. As duas mais velhas olhavam para os dois juntos cheias de amor e felicidade.

"Vocês dois, porque não vão desfazer as malas, enquanto eu e Jay preparamos o jantar?" Anne sugeriu sorrindo, Louis se aconchegou mais contra o alfa, pondo a cabeça contra o ombro do maior, Harry assentiu, puxando Louis pela cintura e o menor soltou um risada baixa ao que o alfa esfregou o nariz gélido no pescoço do menor, fazendo Louis tremelicar e a pele de arrepiar, os dois caminharam de uma forma desajeitada até a sala, Harry soltou o ômega e puxou as malas, e ao que o menor tentou ajudar o alfa negou e afastou-se, caminhando até a escada e deixando Louis com uma carranca para trás.

No jantar, Louis e Harry estavam lado a lado, as mãos dos dois sobre a mesa e dessa vez era o ômega quem se sentia envergonhado, como quando Gemma lhe contou coisa vergonhosas sobre Harry, e dessa vez era Jay falando sobre Louis e os acontecimentos engraçados sobre ele. Então o ômega enfiava seu rosto conta o pescoço cheiroso do maior, sorrindo e corando contra a pele do alfa, enquanto Harry não era tão discreto quanto Louis foi, rindo alto e fazendo piadas sobre o menor. Mas definitivamente o ponto em que o alfa explodiu em gargalhadas foi quando a outra Tomlinson contou sobre quando Louis tinha 11 anos e ela pegou o ômega dançando pelado no quarto, e Harry derrubou o garfo rindo, e o menor lhe deu um tapa no ombro, reprovando a atitude do maior, quando o cacheado para de rir, ele tinha o maxilar trêmulo, a barriga doendo de tanto rir e os seus olhos lacrimejando.

➹ Begin ✽ aboLeia esta história GRATUITAMENTE!