▩ Chapter XXVII.

Começar do início

"Alguém. Voltou. Ciumento" Harry disse tão baixo contra os lábios do menor, e então desceu ousadamente suas mãos para o bolso traseiro dos jeans de Louis e enfiou suas mãos ali, aguardando com possessão a bunda do ômega ali em público, notando o menor assentir ao que o alfa disse e os dois sorriram mas não abandonaram um os lábios do outro. Um novo pigarreio aconteceu e Louis já estava irritado com isso, se ele fosse aquela garota já teria ido embora, porém ele apenas afastou seus lábios do de Harry e sorriu quando viu seu alfa ainda de olhos fechados procurar pelos seus lábios mais uma vez, tentado beija-los um pouco mais, mas Louis não deixou que se tocassem, o ômega pôs sua bochecha contra o braço do maior e encarou a garota com os olhos azuis claros impiedosos e os labial inchados e vermelhos, sorrindo falsamente para a ruiva que os olhava raivosa.

"Quem é essa amor?" Louis perguntou e Harry retomou o ar em seus pulmões, ele virou sua cabeça para o lado vendo a ruiva abrir um pouco mais os olhos e cruzar os braços como questionamento, e o alfa apertou as sobrancelhas porque se ela havia lhe dito o nome ele não lembrava, e Louis queria voar sobre ela e puxar os cabelos ruivos até arranca-los de sua cabeça, ou então fazê-la parar de olhar para o seu alfa de uma forma descarada, ela evidentemente queria Harry e não estava escondendo isso.

"Ahn, eu, essa é a..." Harry não sabia o que dizer, ele não tinha ideia do nome da garota em sua frente. O Louis pôs a boca contra o braço do alfa, tapando seu sorriso quando percebeu seu alfa hesitar e a garota a sua frente abrir mais ainda os olhos, indignada pelo fato de Harry não saber seu nome. O alfa mantinha os braços ao redor de Louis, o abraçando com força e amor, porque foram tantos dias sem sentir seu ômega dentre seus braços, ele queria agora agarrar Louis por horas.

"Jhenny!" A garota disse nervosa e um pouco alto, ela não respondia a Louis mas estava relembrando Harry, com os olhos verdes mais escuros voltados para o alfa que deu de ombros e pôs seus olhos sobre o ômega, porque ele tinha somente olhos para Louis, o cacheado se inclinou e segurou com uma mão agora a bochecha do ômega, indo com seus lábios para cima do menor, e Louis sorriu logo tendo seus lábios tomados pelos do maior, num novo beijo cheio de amor e saudade, um pouco mais calmo.

Harry se inclinou sobre Louis que antes estava na ponta dos pés, e as mãos do alfa estavam abraçando o corpo sexy e pequeno no ômega, beijando-o com uma ansiedade nostálgica, as salivas sendo matutadas, os lábios apertados e Louis levou suas mãos para os ombros do alfa, descendo-as em seguida e pondo as mãozinhas sobre o peito de Harry. Os dois não se importavam se estavam e público, eles ficaram tempo demais afastados então eles provavelmente iriam se agarrar em todos os possíveis cantos pelos próximos dias. Um bufo veio do lado e a garota continuava ali, o que fez Louis achar graça agora, Harry não dava a mínima para ela e beijava-o com tanta paixão e descontrole.

"Eu vou indo, ok?" A voz feminina da garota surgiu novamente e Harry não se importou, ele não afastou seus lábios do seu ômega, beijando Louis ora mais rápido e ora mais devagar, chupando os lábios doces, sentindo os dedos do menor tatearem seu pescoço e ombros as vezes, segurando o corpo de Louis pelo quadril, sugando sua boca com rapidez e sentindo os narizes as vezes trombarem, farejando com saudades e agitação o cheiro delicioso do seu ômega, e podendo ignorar o cheiro tão doce de morango e chocolate da ruiva que também era uma ômega mas não era nada comparada a Louis.

Louis esticou a mão e balançou-a para a garota, num gesto claro para ela ir embora, e a ruiva bufou de raiva, mas finalmente foi embora, deixando o casal sozinhos mais uma vez, o menor sorriu entre o beijo mas logo tratou de lamber o encontro dos lábios de Harry, com sua língua contra a do maior, fazendo-as se tocarem as vezes. Harry pôs seus dedos dentro do passa cinto dos jeans de Louis e apertou ainda mais o corpo do menor, enquanto o beijo ainda era veemente e um pouco inapropriado para ser trocado em público.

➹ Begin ✽ aboLeia esta história GRATUITAMENTE!