Capítulo 40

5K 344 26

Alice.

- Pai ?- Pergunto abismada enquanto ele se levanta, vindo até a mim sorrindo.

- Sim, sou seu pai.- Ele novamente diz e eu abraço ele sorrindo. Olho pra porta da cozinha e vejo o Davi sorrindo também. Tanta felicidade que chega me dar náuseas (brincadeira).

- Meus Deus eu não to nem acreditando que finalmente conheci meu pai.- Digo.

- Pois é.- Ele fala.- Sabe aonde está o Adam?

- Não sei , acho que ele está dormindo.

- Ah sim.- Diz.

- Davi, já terminou?- Digo pegando na mão do meu pai e indo pra cozinha. 

- Ixi Davi, com essa daqui você vai ter trabalho , viu?! Exigente como eu nunca vi.- Meu pai ri, junto com o Davi. É estranho falar "Meu pai" ainda.

- Aff.- Cruzo os braços.

   ( ... )
         O João (meu pai) precisou sair, pra resolver alguns assuntos mas disse que logo voltava,mas ele ficou um bom tempo com a gente. Me sento do lado do Davi que tá rabiscando alguma coisa em um caderno na mão dele. Olho pra folha e vejo escrito :

  " Nosso amor é  pra calar a boca de quem diz que o "Pra Sempre" não existe."

   Sorrio lendo isso , pego o caderno , a caneta e escrevo :

     "Davi e Alice"

Ele sorri e pega a caneta da minha mão.

    "Eu não tava falando do nosso amor, inxirida." Ele escreve.

     "Nojento" Escrevo e ele ri.

   "Sei que não sou beibeEscreve e eu gargalho.

- Analfabeto.- Balanço cabeça falando.

- Que você não vive sem.- RI convencido.

- Ai tadinho, iludido.- Falo.

- Iludida é você que acha que eu me iludo, sabe de nada inocente.- Ele diz e gargalhamos.

- Você tem um sério problema.

- E a solução é você.- Sorrio.- Te amo muito.- Ele diz.

- Davi, você sabe que...

- Eu sei, eu sei.. Não precisa dizer que me ama de volta. Só to te lembrando, do quanto eu te amo.- Sorrio.

- Amor demais... Não se da pra amar uma pessoa tanto assim "beibe"- Imito ele.

- Com o tempo você vai ver que sim.- Diz.- Muito mais do que você possa imaginar.

— Assim espero..- Falo.- To com fome.- Falo depois de um tempo em silêncio.

- Novidade.- Ele ri e eu dou um tapa nele.

- Idiota.- Reviro os olhos. Me levanto pra ir buscar alguma coisa , mas uma tontura me faz cair novamente no sofá. Vozes e imagens começam a surgir na minha mente com toda força, e vem uma dor enorme na minha cabeça.

- Alice.- Só ouço o grito do Davi, e suas mãos me sacudindo, quando tudo fica preto.

Hey amoreees, como vão? Eu vou bem, obrigada por pergunta kkk. Gostaram ? Comenta ai.
Mais tarde volto , vou postar os "50 fatos sobre mim" pra vcs verem o que tem em comum comigo kkk Beijoo

Apaixonados por Acaso (EM REVISÃO)Leia esta história GRATUITAMENTE!