#ALEXANDRAPOV

- E que tal hoje irmos passear - sugeriu Eduardo

-Acho uma otima ideia -admiti

- Ainda bem - disse me beijando - eu amo-te tanto - disse sem descolar os seus lábios dos meus

-Eu também - dei-lhe um pequeno beijo - e muito - Eduardo sorriu

-Acho que estamos a ficar muito lamechas- admitiu e eu ri-me

-É verdade nestes ultimos tempos já nem nos tratamos mal nem nada- ri-me - isto tudo é tão estranho

-Então porque? -ele perguntou

-Antes nem te podia ver a frente e agora ... e agora eu amo-te só te quero ver a frente - rimo-nos

-A vida é assim , existem altos e baixos em todas as relações

-Mas nós nem uma relação tinhamos -digo - aquilo era ódio total

-Eu nunca te odiei - ele admitiu

- Eu não era bem te odiar, simplesmente não queria aproximidades contigo , distancia acima de tudo

- Até parece que eu cheirava mal -brincou

-Por acaso - alinhei na brincadeira

*

- Morango ou Chocolate? -perguntou o Eduardo quando chegamos ao carrinho que vendia gelados

-Chocolate amor - disse

-São dois gelados de chocolate por favor? - disse e entregou ao senhor o dinheiro

-Muito obrigada- agradeci por fim



**Mágoas e Memórias**Leia esta história GRATUITAMENTE!