XV - Evelyn Drop

220 26 0

-Desde quando você pode fazer isso?- Perguntei a Lucca.

-Eu não sei, apenas veio na minha cabeça e falei -

-Isso é incrível!- Exclamou Peter.

-E também assustador- Completou Melissa.

-Está na hora de continuarmos, não podemos ficar aqui parados- Falou Matthew.

Começamos a andar novamente, mas parecia que não estávamos saindo do lugar, como estava entediada e sem nada pra fazer além de andar, decidi escutar um pouquinho da conversa dos outros, mas só um pouquinho.

Fui desacelerando o passo para se aproximar do Lucca e da Coraline sem ser notada.

-Você não poderia ter feito isso, não poderia ter matado ela- Sussurrou Lucca.

-Por favor Lucca, você sabe que era o que deveria ser feito, ou acha que não sei o que fez com ela? Eu posso sentir uma energia aqui perto de nós, e sei que é a Melanie, você a transformou nisso- Respondeu Coraline.

-Depois do que você fez, era a única alternativa, só eu posso a ver, e ela diz que nunca vai nos abandonar, queira você ou não, morta ou viva, esse é o dever dela-

-Tudo bem, Chega dessa conversa antes que alguém perceba-

"Eita, ela não está morta, quer dizer está morta mas viva de um jeito diferente" pensei "Então quer dizer que o Lucca estava esse tempo todo escondendo suas habilidades, ou ele não as conhecia, ou os dois" , acelerei meu passo para sair de perto dos dois,pois não sabia se eles tinham percebido ou não uma intrusa chamada Evelyn escutando suas conversas.

-Andem devagar, estamos chegando em uma sala, e não sei se pode ser uma armadilha- Falou Matthew.

Passo atrás de passo sem fazer nenhum barulho, era essa a intenção, mas não foi o que aconteceu, parecia que estavam fazendo mais barulho que antes.

-Chegamos- Falou Peter.

Paramos bem no meio de uma enorme sala com o piso de areia e buracos profundos em suas laterais.

-O que é aquilo?- Perguntou Max e apontou para cima.

Com dificuldade conseguiu ver, e lá tinha escrito "Cuidado".

-Cuidado, ali tem escrito Cuidado- Falei Gritando.

De todos os cantos começou a aparecer um barulho tipo um canhão, um após o outro até que pararam.

-Eu contei Trinta e um- Falou Lucca.

-Eu também- Concordou Peter.

-Se juntem todos, devagar, venham até o centro da sala- Falou Matthew pausadamente.

Quando já estávamos juntos, Peter grita "Cuidado", ele levanta suas mãos e uma grande cúpula de areia se estende por cima de nossas cabeças, depois chamas surgem da mão do Matthew e ele as lança para cima.

-O que você está fazendo? Quer nos matar é?- Gritou Peter.

-Confie em mim- Respondeu Matthew.

-Agora sua vez Evelyn, faça aquilo- Continuou Matthew

-Eu? Fazer o quê? Ah entendi, aquilo- Falei e fiquei envergonhada por não ter entendido logo.

Ergui minhas mãos e do chão agua começou a subir e se chocar com o interior da cúpula, aquilo criou uma neblina muito espessa, depois de alguns instantes ela sumiu e vimos que agora não era mais areia e sim uma espécie de vidro que dava para ver tudo que estava ao redor de todos nós.

Primeiro pedras enormes caíram sobre nós, depois uma onda gigante nos atinge, em seguida chamas, após isso uma ventania muito forte, e por fim uma espécie de névoa negra desce do teto.

-Não é seguro sair daqui agora, vamos ter que esperar mais um pouco- Falou Matthew.

Após algum tempo toda a névoa se foi, revelando grandes poças vermelhas que mais pareciam sangue.

-Como vamos sair daqui?- Perguntou Melissa.

-Pode deixa comigo!- Responde Peter.

Ele empunhou um arco que estava em seus ombros, pegou uma flecha, posicionou ela no arco e atirou para cima, no mesmo momento a cúpula rachou e se partiu em pedacinhos.

Todos saíram, me aproximei de Peter e Perguntei:

-Como conseguiu quebrar a cúpula com uma flecha? Se nem a fúria de todos os elementos conseguiu, então como fez isso?-

-Todos nós temos um segredinho, e esse é o meu- Respondeu e andou mais depressa.

Fui para perto dos outros e tropecei em uma pedrinha que estava no chão, caí por cima de Matthew que foi empurrado para dentro daquelas poças.

-Gente, olhem o que eu achei!- Falou Matthew enquanto se levantava.

Em sua mão estava um besouro dourado, então era verdade, tudo que estava na profecia, vai realmente acontecer.

The KingdomsOnde as histórias ganham vida. Descobre agora