Mensagem aos personagens

567 46 21

Os personagens de O Globo da Morte tornaram esta história o que é. Com personalidades distintas, todos eles participaram de forma ímpar para desenvolver o enredo, criar o clima, divertir e emocionar. Por conta desse protagonismo, resolvi deixar aqui uma mensagem para cada um deles em agradecimento:

Gerolt – Peço desculpas por você não ter tido tantas chances de revelar sua grande personalidade. Por outro lado, um homem de verdade precisa apenas de um único momento para mostrar todo seu valor. E você aproveitou o seu como nenhum outro. Espero que sua filha receba todo o apoio da família neste momento tão difícil.


Isa – O que posso dizer da minha preferida? Não fosse você, esta história teria sido muito mais chata. Descanse em paz, e tenha certeza que você mostrou coragem muito maior do que muitos dos homens que fizeram sua vida um inferno. Além disso, você foi mais uma daquelas a ajudar a quebrar os paradigmas do universo feminino. Por fim, pode ter certeza que a Celine terá um futuro brilhante pela frente e você será muito importante para ela nos fatos que ainda estão por vir.


Mondegärd – Será que um dia saberemos seu primeiro nome? Você foi o grande responsável por esta história tornar-se uma fantasia propriamente dita. Suas frases certeiras, sua coragem, seu conhecimento e seu inigualável poder mágico nunca faltaram quando mais foram necessários. Espero que você tenha deixado um discípulo antes de partir.


Dario – Você levou uma vida como poucos, esforçando-se ao máximo para tornar-se um príncipe merecedor, mas infelizmente descobriu apenas no final que ainda faltava um longo caminho para percorrer. De todos os personagens, você é o que me deixa mais triste, pois tinha tudo para ser um grande guerreiro. Talvez, um dia, venhamos a descobrir o porquê de tudo ter acontecido desta forma.


Celine – Muita coisa ainda vai acontecer na sua vida. E espero que você tenha muitas oportunidades de evoluir como pessoa. Você ainda é muito jovem e inexperiente, mas tenha paciência, cada coisa a seu tempo. Peço desculpas se você pareceu muito fraca e desinteressante nesta história, mas com certeza ainda vai conquistar seu espaço entre os heróis de Meerã. Por outro lado, sua sensibilidade e inocência ajudaram todos a enxergarem caminhos antes inexistentes, de forma que eu acredito que sua fraqueza e sua força residem nas faces opostas da mesma moeda.


Adriel – Você conquistou muita coisa nesta história. Passou de um xavequeiro para um verdadeiro protagonista. Precisou reviver seus medos e tomar decisões difíceis. No fim, você foi um dos que retornaram do Templo de Pedra. Espero que acontecimentos tão traumatizantes não mudem seu jeito espirituoso e divertido de ser. Sua parceira de piadas não voltará com você, mas espero que o futuro lhe reserve um caminho de muitas oportunidades, pois tenho certeza que hoje você está pronto para elas.

Era Perdida: O Globo da MorteLeia esta história GRATUITAMENTE!