Capítulo 3 - O estágio

1.8K 176 55

A conta estava no vermelho... De novo! Com muito custo, Jaqueline pagou todas as contas que sua irmã fazia no nome de Clara e era por isso que trabalhava muito, mas por ironia do destino, Daniela sempre aparecia quando as dívidas eram quitadas.

 Sem saber onde e com quem a irmã passava a maior parte de sua vida, Jack tenta deixar sua mãe fora dos problemas que enfrenta tanto financeiramente quanto familiar, já que Clara nem sonha que Daniela não vive mais com Jack. 

Enquanto isso, Daniela estava sumida novamente, fora do alcance das mãos de Jack, que queria colocar uma boa dose de juízo na cabeça da irmã. Pensar nisso tudo fez com que ela se desconcentrasse na aula. 

Respirou fundo e sentiu alivio quando deu a hora de ir embora, mas o professor a chamou:

 Jaqueline, precisamos conversar.

  Ela engoliu em seco. 

 Claro. Sobre  o quê, professor?

O professor Gledson esperou que os outros alunos deixassem a sala para começar a conversa:

 É algo muito importante.

 O que houve? É sobre minhas faltas?

Ele riu.

 Não, você não tem que se preocupar com isso, você é uma excelente aluna.

Ela respirou fundo, um pouco aliviada.

 Então, o que é?

- É sobre um estágio na revista Heigel, com possível contratação após o término. Como você é uma aluna dedicada e precisa de um emprego, tenho certeza de que vai se dar bem lá, mandei seu currículo e com ótimas referências.

O coração de Jack não se continha de tanta felicidade. Suas bochechas até rosaram de tanta alegria.

 Você aceita?

 Sim, claro que sim!

Gledson sorriu com a empolgação de Jaqueline.

 Admiro seu entusiasmo. Sua entrevista será marcada, é só esperar a ligação da secretária do Sr. Kaliman, Selena Fallon.

 Tudo bem. Obrigada, professor Gledson.

 Se esforce, Jaqueline. Sabe muito bem que trabalhar com publicidade, propaganda e Marketing implica esforço, inteligência, atitude e acima de tudo, criatividade. Sei que ainda não é profissional, mas a observação e a prática do estágio te acrescentará para sempre.

 Com certeza, professor.

Estamos no final de mais um período e as aulas estão no fim, por enquanto, sua única preocupação é esse estágio. Boa sorte, Jaqueline!

 Obrigada, professor Gledson, pela oportunidade!

Ele assentiu com a cabeça e Jack saiu dali com os hormônios a flor da pele. Quando chegou a lanchonete onde Clair trabalhava, escutou um:

 Que cara é essa?

Ela riu.

 Adivinha!

Clair fez uma cara tão engraçada, que Jack riu alto, se envergonhando em seguida.

 Um namorado que preste? Aleluia!

Ela gargalhou.

 Não, peste! — Jack disse, rindo. — Uma oportunidade de estagiar na Heigel!

Rosas de Amor para Jack (Completa)Leia esta história GRATUITAMENTE!