- A Culpa e sua seu idiota!- Afirmei fazendo o Austin ficar sem paciência e andar um pouco mais na frente...

Sabem o motivo disso Unicórnios dementes? O motivo dessa Palhaçada Oculta é que o Traveco o burro o resto de aborto do Bryan, Fez o favor de perder as Chaves de casa é agora a gente não tem para onde ir.., E eu estou com fome

Agora ele ainda fica falando que a culpa é minha porque me meto em confusões e ele fica preocupado e esquece as coisas porque não sabe onde coloca, Eu to cagando e andando para os problemas dele! Eu só quero chegar no cabaré onde eu moro e comer, Mais é comer mesmo!

- Esther se você ficasse pelo menos um minuto quieta sem que eu precisasse ficar correndo atrás de você como se fosse uma criança de 5 Anos isso não teria acontecido- Bryan resmunga

Agora a culpa tem que ser minha!

- Calem a boca vocês dois.., a gente espera amanhecer por aqui mesmo e eu falo com o Jake de manhã- Austin diz... Bryan e eu nos encaramos e seguimos em frente

Voltamos novamente para a praia, sentamos em um banco do outro lado tinha uma galera fumando maconha e uns Skatistas bebendo bebidas alcoólicas

- Eu to com fome.- Digo Austin me olha bufando..

- Para de falar isso droga! Não vai resolver nada- Diz Austin impaciente

.
.
- To com fome, to com fome, to com fome, to com fome, to com fome, to com fome, to com fome, to com fome, to com fomeeeeeee!- Gritei fazendo as outras pessoas me olharem estranhamente

Odeio chamar atenção. Droga!

- Não tem nada aberto Esther Simpson , São 3:00 Am !- Diz Austin...

Olhei para ele cansada e suspirei

Só estávamos nós agora o outro pessoal tinha ido embora.. fiquei puxando cabelo do Bryan e repetindo a frase "To com fome"

(...)

Conseguimos voltar para casa, Na verdade a polícia que foi Nos deixar.

Agora eu estou jogando vídeo game com o Austin!

É GTA, o mais engraçado coelhinhos da babilônia é que nesse jogo tem prostitutas e da pra matar elas, elas são a Tasha a Jade e a Charlie. Eu mato elas no jogo, Não que eu não tenha coragem de mata-lás na verdade o padre disse que eu ainda tenho salvação eu vou até me converter

ACREDITEM!

Se o Bryan é Hetero eu ainda tenho chances de ir pro céu

- Atira caralho- Gritei, e o Austin me olhou assustado...

- Esther calma é só um jogo não precisa se empolgar tanto. - Diz Austin dando risadas

Revirei os olhos e continuei jogando

- Aí da pra fazer sexo? - Perguntei

- Dá, Se você quiser! - Diz Austin rindo

Idiota

- Eu estou falando no jogo seu capiroto travestir- Resmunguei

- Ah.. isso é proibido- Diz Austin gargalhando

- Droga- Digo

Austin continuou rindo, da minha cara mas eu olhei para ele com um olhar fuzilador

E sim amiguinhos amantes da cocaína todos estão dormindo, está apenas eu é o Austin sentado nesse sofá e bebendo Vodka, pois é eu comprei Vodka com a minha identidade falsa! Onde eu posso fazer até sexo com o capitão América se eu quiser,  Porque diz que eu tenho idade o SUFICIENTE... é falso e, Mas ninguém liga!

- Cara faz tempo que o Bryan está dormindo ele nem comeu.. Ta estranho isso não acha?- Austin diz preocupado

Ainda olhando para a tv e fazendo movimentos com o controle remoto do Vídeo game..

- Ah eu dei remédio pra ele dormir- Digo.

Austin arregala os olhos

Austin pare com isso você já e ridiculo não precisa ficar forçando para seus olhos saírem para fora não!..,

As pessoas não pensam mas o senso de ridículo delas e Enorme.

- Esther você está dizendo que você dopou o Bryan? Que você deu drogas para ele dormir o dia todo?- Austin fala de uma forma que parece até que eu, Preguei pregos nas mãos de jessus na cruz..,

- É, cara ele fala demais!- Digo

Austin suspirou impaciente

- Você é louca né?- Austin pergunta rindo ironicamente...

Aí que exagerado

- Austin cala a boca você também que eu quero jogar caralho!- Gritei

Ele me olhou, mas obedeceu

Passei algumas horas ali naquele silêncio onde o único barulho era eu xingando o avatar do jogo...

- Esther me beija. - Diz Austin

- Não eu não quero beijar você! - afiemei

- É medo?- pergunta Austin. Me olhando

- Antes fosse- Digo rindo, Ironicamente

- Ah então vamos fazer uma aposta já que não é medo- Austin diz, e eu concordei

Eu não vou negar, Porque esse Filha da mãe vai achar que eu estou com medo

- ok!- Digo

Austin sorriu, eu continuei séria.

Ah.. amiguinhos nem queira saber o que passava dentro da minha cabeça naquele momento

As vezes eu só queria uma metralhadora para resolver todos os meus problemas, Esse Ridículo acha que eu sou Orbigada a beijar ele! Vamos ver

- Bom... Vamos resolver isso no vídeo game, Se eu ganhar você me beija- Diz o Austin

Revirei os olhos

- E se eu ganhar? Eu raspo a sua cabeça, ou seja você perde todo esse seu cabelinho aí- Digo rindo..

Por incrível que pareça achei que ele fosse desistir, Já que ele ama esse cabelo ridículo dele, Mas ele concordou

Austin levantou e trocou o jogo, agora era um jogo de luta.. que ele costumava a jogar com o Luke ele era bom nesse jogo, mas eu já ganhei dele uma vez

- Que Vença o melhor- Diz Austin

- Que você fique careca meu amigo- Digo piscando...

__________

Passamos 1 hora é meia, ele parecia muito tenso eu estava ganhando, Só faltavam dois Rings para a final, Mas eu continava na frente por mais chances que ele tivesse

Austin jogou o controle no chão e eu gargalhei

- Se fodeu- gritei.. dando gargalhadas

______________________________

Oi bando de prostitutos, Estão bem? Espero que sim! Ihul

Enfim... iai? Gostaram? Espero que tenham gostado

Estou me balançando aqui na rede, a ponto de cair dela é quebrar os meus dentes da frente.. Mas eu estou feliz ♡♡

Comentem quero opiniões!

Dêem estrelinhas Unicórnios agradecem ♥

Esther [{A editar }]Leia esta história GRATUITAMENTE!