Capítulo Um

12.1K 486 37




LEIAM MINHA OUTRA HISTÓRIA : " Tudo que eu quero" 

link : https://www.wattpad.com/myworks/80245181-tudo-que-eu-quero


XXXXXX


Acho que estou perdida. Na verdade, tenho certeza.

Pego minha mala no chão e olho para tela do meu celular descarregado, de todas as horas para descarregar ele escolheu logo agora, no momento que eu estou totalmente perdida em um outro estado, um lugar desconhecido, pior, quando estou sozinha.

Olho para os lados, as pessoas passam por mim com pressas e quase me levam junto, as televisões no aeroporto passam comerciais da coca cola ou de companhias aéreas, a voz de uma mulher ecoa pelo lugar, procuro minha prima entre as pessoas mas é como tentar achar uma agulha no palheiro, um palheiro nova-iorquino.

Me aproximo da parede de vidro e coloco a mão nela, mesmo estando perdida em Nova Iorque não consigo impedir a ansiedade e felicidade de estar aqui. Nova Iorque. A cidade da moda, das oportunidades... a minha cidade. Um sorriso aparece em meus lábios, eu encosto meu nariz no vidro gelado e suspiro.

Estou sonhando acordada com a cara no vidro quando uma mão pousa em meu ombro, me viro assustada e encontro minha prima com um sorriso simpático

- Janette!

Ah minha nossa, estou tão feliz! Não estou mais perdida!

- Anelise! Finalmente, pensei que tinha se perdido!

Abro um sorriso que diz: não, que isso!

- Vamos, eu te ajudo com as malas. - Janette pega uma das minhas malas - o carro esta la no estacionamento.

Uma criança em uma loja de doces seria a frese certa para minha reação, meu rosto estava colado na janela observando cada segundo e cada lugar que se passava, nem estávamos no centro, no lugar das telonas nos prédios e onde toda magia acontece, estávamos passando por ruas normais, com casas normais que de repente eram muito interessantes.

O prédio onde Janette mora tem dez andares com dois apartamentos por andar, tiramos todas as malas do carro e nos arrastamos para dentro.

- O porteiro esta de folga - ela me avisou.

aperto o botão do elevador.

- O elevador esta quebrado - diz sem graça.

- Ah. - me afasto e olho para as escadas - qual é o seu andar?

- O quinto.

Engulo seco. Cinco andares! Cinco andares de muitos degraus.

No terceiro andar eu estava morta e no quinto já havia me tornado uma zumbi, tanto eu quanto Janette praticamente choramos ao ver a placa na frente da porta escrito " Foster", não sou a pessoa mais sedentária da face da Terra mas com certeza não sou fitness.

- Chegamos! - Janette abre a porta - bem-vinda ao lar!

Dou um passo para dentro e deixo a mala no chão, olho para o apartamento e tento memorizar tudo na minha mente, o sofá branco com a mesinha de centro, a mesa com cadeiras coloridas e o vaso com tulipas, a porta da varanda deixando a luz entrar e deixar tudo mais claro.

- Amei. - digo a ela.

- Seu quarto é la no fundo. - ela diz fechando a porta.

- Okay. Obrigada.

Caminho até a varanda e olho para as casas ao lado, os outros prédios e as pessoas passando pelana rua, um sorriso surge em meu rosto.

- Bem- vinda a Nova Iorque! - sussurro.

XXXXXXXX

Bom pessoal espero que tenham gostado do comecinho dessa história , se gostou por favor aperta na estrelinha e comente sua opinião ia adorar ler . Bjs !

STYLE - Fanfiction H.S.Leia esta história GRATUITAMENTE!