𝑪𝒂𝒑𝒊𝒕𝒖𝒍𝒐 𝒗𝒊𝒏𝒕𝒆 𝒆 𝒔𝒆𝒕𝒆

3.8K 394 132
                                    

𝙈𝙖𝙮𝙖 𝘽𝙤𝙪𝙧𝙣𝙚

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

𝙈𝙖𝙮𝙖 𝘽𝙤𝙪𝙧𝙣𝙚

━ Acha que Tommy vai ir? ━ Sarah me olha pelo espelho. 

━ Eu não sei. Ele tem alguns amigos da escola, então talvez sim. ━ começo a mexer nos meus vestidos. 

━ Ele parou de te mandar mensagem? 

━ Sim, e isso me assusta um pouco. Vou torcer para que ele não faça nenhuma cena hoje. 

━ Ele não parece ser do tipo que faz cena. 

Pego um vestido de veludo azul escuro e tiro minha roupa para colocá-lo. Me olho no espelho e ele ficou lindo no meu corpo, nunca tinha usado. Ele tem as alças bem fininhas e fica um pouco acima do joelho. 

━ Esse vestido combinou com a maquiagem. ━ Sarah me olha.

━ Eu amei. 

A porta do quarto se abre e minha mãe entra.

━ Vocês estão lindas. ━ ela olha para nós duas. ━ Você vai voltar hoje?

━ Eu não sei, talvez…

━ Por mais que você nunca tenha voltado. ━ eu e Sarah rimos. ━ Mesmo esquema de sempre, se estiver todo mundo bêbado, me ligue que vamos te buscar. Você também, Sarah.

━ Obrigada. ━ Sarah sorri para ela. 

━ Seu pai já está lá embaixo, só falta vocês. 

Minha mãe saiu do quarto nos deixando sozinhas novamente. 

━ Ela não sabe do Rafe ainda? 

━ Não. Quero esperar um pouco para contar e nós também nem somos namorados. 

━ Só não são oficializados. ━ reviro os olhos.

━ Vamos?

Nós descemos as escadas e meu pai se levanta do sofá e pega a chave do carro.

━ Vocês estão lindas. 

Eu e Sarah sorrimos e agradecemos. Fomos para a rua e entramos no carro. A viagem até a casa onde seria a festa demora apenas alguns minutos. A música lenta que está tocando no rádio deixa a viagem mais relaxante. 

Meu pai estacionou o carro e se vira para trás para olhar para mim e para Sarah.

━ Divirtam-se! ━ sorrio e concordo. ━ Mas não demais. ━ eu e Sarah rimos do seu comentário e eu me inclino e dou um beijo em sua bochecha. 

Eu e Sarah descemos do carro e entramos na enorme mansão. É de uma pessoa aleatória da escola, mas que sempre faz questão de fazer as festas aqui, então estamos mais que familiarizados com a casa. 

Sarah pega na minha mão e nós andamos entre as pessoas tentando achar alguém conhecido. De longe enxergo Rafe bebendo com Kelce e Topper, puxo Sarah para frente, mas ela me puxa para outro lado. Nos olhamos e rimos. 

 ⇨ 𝐹𝑟𝑖𝑒𝑛𝑑𝑠 • 𝑅𝑎𝑓𝑒 𝐶𝑎𝑚𝑒𝑟𝑜𝑛Onde as histórias ganham vida. Descobre agora