𝐭𝐡𝐞 𝐜𝐫𝐚𝐳𝐲 𝐲𝐨𝐮 𝐜𝐚𝐥𝐥 "𝐦𝐨𝐦"

467 47 42
                                    

























Narrador























— Ok, então você aceitou dar aulas para o Jesse, na casa deles..... — Heyoon repetia cada uma das palavras usadas por Noah para explicar o que tinha acontecido na tarde anterior — Para tentar se aproximar de todos e achar alguma coisa que os comprometa

A garota parecia pensar mais do que o normal, Noah e Josh quase conseguiam ver seu cérebro assimilando a informação, de vez em quando os dois se olhavam receosos, haviam duas possibilidades ali, ou a coreana acharia uma ideia genial e perdoaria Noah por ter acabado com seu plano, ou ela acharia uma total burrice se enfiar na toca dos leões.

— Ainda estou decidindo se eu acho uma burrice ou não — acordava do transe, finalmente respondendo — Mas é provavelmente a nossa única opção

Josh e Noah comemoravam, o loiro beijava a bochecha da garota.

— Eu sei que Noah cagou com o primeiro plano — Josh começava — E sei também que esse é arriscado, chegar perto de Elliot desse jeito, por isso eu coloquei um rastreador em seu celular, se em algum momento, ele achar que está em perigo, é só digitar o número nove, vai enviar um sinal direto para os nossos celulares

— Você fez isso sem saber se eu concordaria? — Heyoon levantava uma sobrancelha

— Eu sabia que ia concordar — dava ombros

A garota olhava com os olhos cerrados, mas sorrindo no final, ela se voltava para Noah mais uma vez.

— Como vai fazer isso? Digo, não é como se de um dia para o outro, Jesse ou Hannah passem a confiar em você, vai demorar até eles começarem a gostar de você, ou te suportar, Deus sabe o tempo que eu levei

— Vai ser ao poucos — explicava com cautela — Eu sei que Hannah desconfia de mim e Jesse nunca nem gostou de mim, mas eu não necessariamente preciso me aproximar deles para conseguir algo — observava o olhar de interrogação dos amigos — O meu suspeito é Elliot, e ele claramente sente uma afinidade por mim, do contrário, não teria pedido que eu ajudasse seu filho, por isso, é dele que eu vou me aproximar

— Ok, é um bom plano — Heyoon dizia — Mas você já parou para pensar que ele pode estar fazendo a mesma coisa? Porque essa afinidade do nada? Você estuda com os filhos deles há anos, e agora, depois que ocorre uma morte e você acusa a filha dele e a família toda de serem os responsáveis, o seu currículo é checado e você é um ótimo aluno que daria um ótimo professor para o seu filho rebelde, que por acaso, nunca gostou de você...... Nada suspeito — o sarcasmo era mais que perceptível na última frase

— Heyoon está certa — Josh concordava — É suspeito e perigoso, como você sabe que esse cara não vai te matar também? Não é como se você pudesse ter certeza de que vai estar seguro, digo, não acho que ele te mataria na frente dos filhos, mas vai saber, do jeito que a Hannah é doida e o Jesse não tem neurônio nenhum, capaz de eles te amarrarem

O sinal tocava antes que Noah pudesse responder propriamente qualquer um dos dois, Jesse era um dos últimos a entrar na sala, diferentemente da irmã, ele olhava para Heyoon e Josh com desprezo e logo seu olhar fixava no americano, ele abria um sorriso sarcástico sem mostrar os dentes e se sentava.

— Acho que vamos ter que arriscar — sussurrava antes do professor começar a aula





























𝐦𝐢𝐬𝐬𝐢𝐧𝐠 » 𝐧𝐨𝐚𝐫𝐭Onde as histórias ganham vida. Descobre agora