𝑪𝒂𝒑𝒊𝒕𝒖𝒍𝒐 𝒅𝒆𝒛𝒆𝒏𝒐𝒗𝒆

3.3K 410 190
                                    

𝙈𝙖𝙮𝙖 𝘽𝙤𝙪𝙧𝙣𝙚

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

𝙈𝙖𝙮𝙖 𝘽𝙤𝙪𝙧𝙣𝙚

Tommy anda apressado para o carro e eu tento acompanhar seus passos. As lágrimas já estão começando a secar e as minhas fungadas já diminuíram. A única coisa que me sobra é a raiva das coisas que Tommy falou para Rafe.

━ Esse cara já encheu a minha paciência. ━ olho para ele que se senta no banco do motorista com as pernas para fora. ━ Ele é um idiota. 

━ Para de falar assim ele. ━ fecho os olhos e passo as mãos no meu rosto.

━ Vai ficar defendendo ele agora?

━ Por mais que você esteja levemente alcoolizado, nada justifica o que você disse para ele. 

━ E eu falei alguma mentira? 

━ Você está sendo um idiota, nem estou te reconhecendo.

━ O único idiota é o Rafe. Eu sempre te alertei que ele não gostava de mim e que ele te olhava de forma diferente. 

━ Quer que eu fale o que? Parabéns? ━ falo ironicamente. 

━ Eu realmente não acredito que estamos aqui brigando por causa dele, de novo. 

━ Não estamos brigando por causa dele, estamos brigando por causa de você. 

━ Eu brigar com o cara que não respeita meu relacionamento é errado?

━ Você sabe os pontos fracos de Rafe e usou isso contra ele. Sabe como ele é explosivo e fez o seu máximo para tudo sair do controle, não se faça de vítima agora. 

━ Eu realmente não estou acreditando que a minha namorada está brigando comigo por causa de um babaca. 

Reviro os olhos e olho em volta. A festa parece ter voltado ao normal, a música ainda está alta e mesmo de longe, dá para ver a festa lotada de pessoas. Por um momento agradeço por isso, assim fico a sós com Tommy no estacionamento.

━ Pare de colocar a culpa nele, ela é sua. 

━ Ok, eu realmente estou ficando cansado dessa merda. ━ ele limpa um pouco de sangue que está escorrendo do seu nariz. ━ Você é a minha namorada, mas parece que tenho que te dividir com aquele drogado. 

━ Pare de falar assim dele! É a última vez que vou repetir isso. ━ ele bufa e revira os olhos. ━ E você não me divide com ninguém, nunca me dividiu. Pare de ser idiota!

━ Aquele cara te come com os olhos e eu te avisei sobre. 

━ Já cansei de ouvir que você avisou sobre, eu sei que você avisou. ━ ele para um tempo e me olha sério.

━ Vocês já ficaram?

━ O que? Não. ━ falo rindo como se ele estivesse me contando uma piada.

━ Eu estou falando sério, Maya. 

━ Por que eu mentiria para você? 

━ Eu não sei. ━ ele bufa e passa as mãos no rosto. ━ É sério, eu já cansei desse cara. Ele sempre é a razão das nossas brigas. A gente estava numa boa e nosso relacionamento era super tranquilo, daí esse cara começou a se aproximar e estragou tudo. 

━ E você quer chegar aonde com isso? 

━ Que você tem que parar de falar com ele, de andar com ele…

━ Não, nem termine. 

━ O que? Vai dizer que vai deixar o motivo do nosso relacionamento estar uma merda conviver entre a gente. 

━ Não me faça escolher entre você e ele. 

━ Por que? Vai me dizer que vai escolher ele? ━ fico em silêncio apenas o olhando. ━ Isso é sério, Maya? Você só pode estar de brincadeira. 

━ Não me faça escolher, mas se eu tiver tiver que escolher... ━ meus olhos se enchem de lágrimas novamente, não era dessa forma que eu queria acabar tudo.

━ Eu quero ouvir da sua boca, você vai escolher ele?

━ Sempre foi ele. ━ falo baixinho e Tommy me olha como se eu tivesse confessado um crime. 

━ Você me usou esse tempo todo? ━ ele fala como se estivesse com nojo.

━ Eu não te usei…

━ Usou! ━ ele fala mais alto me interrompendo. ━ Eu não consigo acreditar nisso. ━ ele caminha para perto de mim e fica na minha frente. ━ Isso é sério? Sempre foi ele? ━ seu rosto está encostando no meu, me deixando alguns calafrios. 

━ Sempre foi ele. ━ repito olhando em seus olhos. ━ Eu tentei te amar durante todos esses meses, mas você não é ele. 

━ Você é uma vadia. ━ apenas concordo e sustento o meu olhar no dele. ━ Eu realmente não consigo acreditar nisso. 

━ Me desculpa, de verdade…

━ Não, não comece a se lamentar! ━ as lágrimas começam a escorrer pelo meu rosto sem controle nenhum.

━ Eu tentei tantas vezes falar com você sobre isso, eu tentei de verdade, mas você…

━ Eu o que?

━ Você é bom demais para mim. Eu não queria ver esse olhar no seu rosto, por isso não falei antes. 

━ Vocês se merecem. ━ concordo e fico parada olhando Tommy se afastar. 

Ele entra no carro e fecha a porta. Passo minha mão no rosto tentando limpar minhas lágrimas e começo a andar em direção a praia. Ando na direção contrária da festa enquanto tento me acalmar.

Parece que a minha ficha só caiu agora. 

Eu estou sozinha. 

É apenas eu e meus sentimentos agora. Tudo saiu do controle e acabou assim, de todos os cenários, esse é o pior de todos. 

Me sento na areia e escondo meu rosto nas minhas mãos. Tudo deu errado. 

E de tudo o que aconteceu, o que mais me dói é a forma que Rafe me olhou quando decidi vir atrás de Tommy. 

Tento parar de chorar e acalmar minha respiração. Olho para o céu e tento contar as estrelas, isso às vezes funciona. Olhar para elas me lembra de Rafe, da forma em como ficamos tão perto um do outro naquele dia na praça…

Eu preciso arrumar tudo isso. 

 ⇨ 𝐹𝑟𝑖𝑒𝑛𝑑𝑠 • 𝑅𝑎𝑓𝑒 𝐶𝑎𝑚𝑒𝑟𝑜𝑛Onde as histórias ganham vida. Descobre agora