𝐜𝐚𝐧 𝐲𝐨𝐮 𝐭𝐞𝐚𝐜𝐡 𝐨𝐧𝐞 𝐨𝐟 𝐮𝐬?

384 58 68
                                    

























Narrador





























Noah não confiava no homem ao seu lado.

Pior que isso, tinha um leve receio de estar com ele, uma parte de si se perguntava o que impedia o homem de fazer algo? Sua esperteza, o subconsciente de Noah respodia.

Se Elliot tinha mesmo cometido um assassinato, era muito bom em esconder, sua expressão não podia parecer mais serena, isso irritava um lado de Noah, o mesmo que gritou com Hannah na escola, o mesmo que Heyoon quase matou por ter acabado com todos os seus pequenos avanços, o mesmo que não deveria mais fazer aparições, especialmente na frente daquele homem, Noah respirava fundo e tentava pensar racionalmente, claro que Elliot estaria tranquilo, se você se convence de algo, isso passa a ser verdade aos seus olhos, os olhos do homem não mentiam, apenas ocultavam algo.

— Primeiramente — o homem começava — Queria dizer que sinto muito, Sina parecia ser uma boa garota, eu não a conhecia por conta de meu passado com Sebastian..... — pronunciava o nome com certo receio — Mas minha filha contou que a morte dela foi devastadora para você

— Foi sim — Noah respondia sendo sincero, não sentia necessidade de mentir, se o homem seria cínico para conseguir algo, o garoto faria ao contrário, jogaria apenas com a verdade — Ela era a minha namorada

— Ah... Não sabia que ela tinha um namorado — Elliot dizia suspeito — Hannah e Jesse nunca me contaram, eles só diziam que ela andava sozinha na escola, deduzi que não tinha pessoas próximas além dos pais

Noah cerrava as mãos, claro que ele deduziu que Sina não tinha ninguém além dos pais, provavelmente por isso achou que ela seria a melhor forma de atingir Sebastian, em outras palavras, ela tinha sido dano colateral.

— Ela tinha — respondia com um sorriso irônico

— Bom.... De qualquer jeito, você me parece um bom garoto, Hannah e Jesse me disseram que não é o tipo encrenqueiro e pelo que me deixaram ver na escola..... — piscava como se fosse cúmplice — Não é, nem de longe, um aluno ruim, suas notas estão sempre acima da média dos seus companheiros, é um currículo invejável

Ouvindo isso, Noah se perguntava onde o homem queria chegar com aquilo, não achava exatamente anormal que os pais se perguntassem que tipo de colega seus filhos trariam para sua casa, por mais que fosse apenas para um trabalho, não tinha achado suspeito que Hannah e Jesse tivessem comentado coisas com o pai, mas o fato de que Elliot havia pesquisado mais do que detalhes superficiais, isso era suspeito.

— Desculpe-me perguntar senhor — Noah dizia — Mas porque pesquisou meu currículo escolar?

Elliot abria um sorriso, um daqueles que fazia o americano estremecer, o mesmo endurecia o corpo quando sentia o mais velho pegar em seu ombro, fazendo com o que os dois parassem a caminhada que estavam fazendo.

— Hannah me disse coisas interessantes sobre você — o homem explicava — Em específico, seu currículo acadêmico, eu fiquei curioso como um garoto como você consegue se dedicar tão bem a escola e ainda ter uma vida social, como sabe, Jesse não é um dos melhores alunos da escola

Nem de longe, pensava Noah.

Jesse Willians era provavelmente a pessoa mais ignorante que muitos já haviam conhecido, a falta de interesse do garoto por qualquer coisa que não fosse sair, beber e ir a festas, era preocupante, todos na escola sabiam o quanto Hannah se esforçava para manter a imagem de aluna exemplar, se inscrevendo em todos os grupos possíveis e fazendo todas as boas ações que os professores propunham, era um balanço considerando que Jesse fazia exatamente o oposto, pouco se lixando para notas e ações que ajudassem outras pessoas que não fossem ele mesmo.

— Eu sei que talvez seja pedir muito, — Elliot continuava — Mas, se não for te atrapalhar, gostaria que ajudasse meu filho

Surpresa.

Era provavelmente esse o sentimento que predominava no cérebro de Noah. Além de claro, a suspeita e dúvida, tudo estava muito esquisito, uma semana atrás ele estava xingando Hannah e falando mal de toda sua família, não só na frente dela e de Jesse, mas na frente da escola toda, ele tinha dito na frente de todos, e por mais que as pessoas não acreditassem que a morte de Sina havia sido um assassinato, elas faziam fofocas, principalmente sobre a família de Hannah e Jesse, que já tinha uma fama.

Mas o fato do homem ter pedido ajuda? Isso era mais que suspeito, Noah sabia que a iniciativa não tinha partido de Jesse, o garoto o odiava, e esse ódio mútuo levava ao desprezo total por parte dos dois, se surpreendia com o fato de que o pai o submeteria a ter aula com uma das pessoas que mais odiava na escola.

— Desculpe-me senhor — Noah se adiantava — Mas não acho que Jesse gostaria de ter aulas comigo, nós nunca nos demos muito bem

— Não se preocupe Noah, eu entendo que meu filho pode ser difícil — explicava — Mas minha filha por outro lado tem foco e vontade de aprender, você sabe, ela sempre deu seu melhor, por isso ela convenceu Jesse, que está mais que disposto a aprender com você, só falta me dizer se está disposto a ensinar um de nós

Elliot sorria abertamente, como se já tivesse certeza do que Noah responderia.

O menino ponderava por longos minutos, quais eram suas opções ali? Ensinar Jesse, uma das pessoas mais presunçosas e mesquinhas que ele já tinha já tinha conhecido, e provavelmente ter que lidar com Hannah, considerando que os dois eram quase um combo ou não ensiná-lo e passar o resto da tarde recebendo esse olhar de "falsa esperança" de Elliot, sem contar que era um possível assassino, não era a melhor ideia negar algo a ele não?

Uma vozinha gritava: "Aceite e tente se aproximar de Elliot, mantenha seus amigos próximos e seus inimigos mais ainda", de fato, não era um má ideia, o plano de Heyoon com Hannah tinha ido por água abaixo por sua causa, nada mais justo que ele trouxesse uma solução, talvez ensinar Jesse viesse a ajudar em algo, talvez ele pudesse concertar o que tinha feito e de quebra descobrir algo que Elliot vinha tentando esconder.

— Tudo bem, eu aceito





















hehehehehe
o que vocês acham disso?

xoxo
marii💖

𝐦𝐢𝐬𝐬𝐢𝐧𝐠 » 𝐧𝐨𝐚𝐫𝐭Onde as histórias ganham vida. Descobre agora