Forty Nine

21.5K 2.7K 1.2K
                                    

Jungkook

Eu estava deitado no colo do amor da minha vida enquanto ele me maqueava, ele estava bem concentrado, só parava às vezes pra me beijar

-E pronto amor -Ele tirou uma foto e me mostrou, ele é bom nisso, ele fez uma pele bem levinha e quase nada no olho e um batom vermelho na boca -Gostou?

-Gostei anjo -Sorri pra ele enquanto puxava sua nuca o trazendo em minha direção e lhe dei vários beijinhos logo enfiando a língua na sua boca e iniciamos um beijo calmo

-Coelhinho? -Me chamou assim que terminamos o beijo, limpei a boca dele que estava borrada de batom e ele passou um lencinho na minha também logo me dando outro selinho

-Pode falar meu coração -Eu passava as mãos pelas suas costas

-Vamos vestir roupa -Assenti, já estávamos vestidos então era mais uma das suas invenções -Mas eu quero que você vista uma saia também

-Se servir o coelhinho veste -Ele sorriu, e nada é mais gratificante do que ver meu marido sorrir, me sentei pra ele levantar e logo ele voltou com duas saias e me entregou as duas -Qual o meu anjo quer?

-Azul -Deitei ele na cama tirando a calça e vesti a saia, ficou impecável como sempre

Tirei minha calça também e vesti o que ele pediu, o zíper não fechou por completo por sua cintura ser mais fina, mas digamos que serviu

-Como fiquei? -Dei uma voltinha e parei fazendo pose

-Maravilhoso -Ele ficou em pé na cama e pulou em mim que o segurei com firmeza, não é pra menos, é meu mundo que eu estou segurando -Você é perfeito coelhinho -Encheu minha boca de beijos e passava as mãozinhas delicadamente pelo meu cabelo

-Você é mais meu bebê -Acariciei a bunda dele que e onde eu alcançava no momento -O que nós vamos fazer uh? Vamos ficar o dia todo aqui

-Hum -Ele colocou a mãozinha no queixo -Quero só ficar deitado com meu marido -Eu vou infartar merda

Fui o deitando enquanto enchia a boca dele de beijos e abri as pernas dele me deitando no meio, depois desgrudei nossas bocas e me deitei abraçando seu tronco com o rosto no peito dele

-Frio coelhinho -Claro né, ele quis tirar as calças quentinhas pra vestir saia, puxei a coberta pra cima de nós -Hum, agora sim

Ficamos nessa posição por um longo tempo, eu lhe dava sempre beijinhos por cima da blusa do pijama e ele acariciava minha nuca e penteava meus cabelos com os dedinhos até eu ouvir a barriguinha dele roncar

-Porquê não disse que estava com fome minha vida -Peguei o celular dele que estava na cama olhando as horas, já estava na hora que ele costuma comer

-Não quero que você saia daqui -Olhei pra cima e ele estava com um biquinho

-Oh meu coração, meu bebê precisa comer, depois nós podemos ficar agarradinhos de novo

-Promete? -O biquinho continuava

-Prometo Vida -Fui mais pra cima dele mordendo o biquinho fazendo ele sorrir

Liguei pro restaurante e pedi nosso almoço, enquanto eles não chegavam nós continuamos deitados curtindo um ao outro, mas agora com meu carrapato do meu lado com a mão por baixo da saia rosa que eu usava e segurando meu pau

Ele sempre mantém seu corpo em contato com o meu de algum modo e eu amo isso

-Coelhinho?

-Pode falar vida -Peguei a outra mãozinha dele e dei vários beijos

Protegido do MafiosoOnde as histórias ganham vida. Descobre agora