Thirty Nine

16.9K 2.5K 1.7K
                                    

Jungkook

Chegamos em casa e tomamos banho gelado, o tempo está bom quente hoje

Jimin quis vestir uma blusa minha, e acho que ela a maior que ele achou, já que ele ficou quase nadando dentro dela

-Coelhinho, Jiminie não quer vestir roupa

-Não quer vestir roupa meu amor?

-Não -Ele olhava para os shots que eu estava na mão

-Então ta bom -Joguei a peça na cama -E sainha o meu carrapato quer?

-Sim -Ai o baixinho se animou, peguei a saia mais simples e vesti nele, ia ficar tampada pela blusa mesmo

-O coelhinho tem que sair -Ele fez um biquinho e os olhos já começaram a marejar -Não chora meu amor, você também vai

-Vou?

-É claro, você não vai mais ficar longe de mim -Limpei as lágrimas dele e peguei meu neném no colo

Desci coloquei ele no carro e prendi o sinto, fiz o mesmo comigo depois de entrar e fomos receber a carga

Assim que chegamos esperei ele descer e ajeitei a roupinha dele, dei um beijo em sua boca pegando a mãozinha e nós seguimos

A grande pessoa misteriosa disse que só ia entregar se eu estivesse presente, quero até ver quem é

As pessoas mandam só subordinados pra fechar, aí na hora de entregar começa com gracinha

Já tinha passado alguns minutos e eu já estava me irritando, odeio atrasos, trouxe o carro mais pra perto e abri a porta pro meu anjo sentar e fiquei em pé na frente segurando a porta

-Jungkook que bom rever você -Era só o que me faltava

-Susan -Essa vagabunda, fiquei com essa desgraça uma vez e ela disse que estava grávida de mim, a vadia sustentou a mentira ate o menino fazer três meses

Eu não acreditava óbvio, eu disse a ela que assumia, se ela fizesse o DNA

E aí começou o inferno, a desgraça dessa mulher não saia do meu pé, e disse que não ia fazer teste nenhum que o filho era meu e ponto

Até me dizer que era virgem quando nos ficamos ela disse, se ela era virgem meu Jimin detesta sexo

-Queria me ver, já viu, agora faz a entrega e pronto

-Não -Ela sorriu -So entrego quando você vier conversar comigo

-Vai a merda

-Sempre tão paciente -Ela olhou pra mim e depois pro carro -Está escondendo o que aí

-Escondendo? Nada -Dei a mão pro meu carrapato e ele pegou se levantando, puxei ele pra perto de mim e fechei a porta

Jimin não olhava pra ninguém deles, olhava diretamente pra mim

-O que foi amor?

-Pega -Ergueu os bracinhos e eu peguei lhe dando dois selinhos

-Quem é essa criatura

-Tá falando do meu meu sobrinho piranha? -Dori apontou o fuzil pra ela

-Só quero saber quem é o garoto

-Você está aqui pra vender armas, e não pra saber da minha vida -Além de chegar atrasada, quer me encher o saco e ficar enrolando

-Mãe, papai?

-Sim, é o seu pai -Logo apareceu um garoto do lado dela, o menino tem seus 3 anos

Jimin levantou a cabeça e ficou olhando fixamente para os meus olhos e desceu do meu colo, merda

Protegido do MafiosoOnde as histórias ganham vida. Descobre agora