F o r t y E i g h t

17.2K 2.2K 2.8K
                                    

SIENNA DEVORA, point of view.

- De quem é o fusca amarelo? - Pergunto, me sentando na cadeira enquanto Reggie vem caminhando na minha direção

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

- De quem é o fusca amarelo? - Pergunto, me sentando na cadeira enquanto Reggie vem caminhando na minha direção.

- Se meu irmão escutar você chamando o carro dele assim, desiste na hora de tentar te... - Para de falar na hora e arregala os olhos, disfarçando e dando um sorrisinho amarelo.

- De tentar o que? - Pergunto curiosa, e Reg limpa a garganta, coçando a nuca e desviando seu olhar para trás de mim.

- É impressão minha ou sua mãe esta  ainda mais gostosa usando aquele shorts de academia? - Coloca as mãos na cintura e me viro para trás, vendo minha mãe pela janela passando aspirador no tapete da sala.

- Larga de ser nojento! - Xingo, tacando um biscoito com forço no rosto de meu melhor amigo.

- Aí vagabunda. - Xinga, se sentando na cadeira ao meu lado.

- Sabia que o meu castigo de não te ver por uma semana ainda não acabou? Hoje ainda é sábado.

- Ainda não entendi esse castigo da sua mãe, mas de qualquer forma, ela pegou pesado. - Diz, pegando um biscoito e mordendo.

- Foi tipo.. - Indago, me levantando e ajeitando o blusão em meu corpo.

Coloco as mãos na cintura e prendo o cabelo em um rabo de cavalo baixo, forçando uma limpada de garganta e afinando a voz em uma tentativa falha de  a deixar parecida com a da minha mãe.

- Garota o que te deu na cabeça de sair de madrugada sem me avisar Sienna? Você quase me matou de precaução quando entrei no seu quarto e vi que realmente você não estava em casa.

Mudo de posição e solto o cabelo, enquanto Reggie continua comendo os biscoitos e prestando atenção em mim.

- Desculpa mãe, foi sem querer. Não vai mais acontecer. - Prendo o cabelo de forma ligeira e volto para a posição anterior.

- A mas não vai acontecer mesmo. Você está se castigo, uma semana sem ver o Reggie!

- Sem o Reggie? - Pergunto incrédula mudando de personagem novamente.

- Sim, sem o Reggie. - Termino a mini representação e Reggie fica me olhando enquanto nega com a cabeça.

- Ai depois disso ela entrou pra dentro do quarto e bateu a porta na minha cara. Acho que colocou os fones de ouvido porquê eu fiquei uns quinze minutos parada batendo na porta e fazendo drama, quase até chorei e ela nem ligou.

DIARY | vinnie hacker Onde as histórias ganham vida. Descobre agora